quinta-feira, 5 de julho de 2012

MILAGRES E GRAÇAS DE SANTA ANA OU SENHORA SANTANA , MÃE DE MARIA, AVÓ DE JESUS










A importância de Santa Ana está intimamente ligada a Jesus. 

Santa Ana é venerada por ser a mãe de Maria e avó de Jesus.



Pelo fato da Igreja acreditar que Jesus é Deus, é que veneramos sua Mãe.

 Para ser Mãe de um Deus Santíssimo, era necessário que a Virgem Maria nascesse sem o pecado original de Adão e Eva, que toda humanidade é destinada a ter, pois a Bíblia nos diz "Quem do imundo tirará o puro? Ninguém."( Jó 14,4).

Assim, Santa Ana gera Maria imaculada (sem pecado), o que chamamos de Conceição (concepção)  Imaculada. Por isso, dizemos de Maria o que nos diz a Bíblia no Cântico dos Cânticos:

"uma é a minha pomba, a minha imaculada, a única de sua mãe, e a mais querida daquela que a deu à luz; viram-na as filhas e chamaram-na bem-aventurada, as rainhas e as concubinas louvaram-na. "
(Cânticos 6,9)


A história de Santa Ana e São Joaquim se encontra num evangelho apócrifo, que apesar de não ser considerado pela Igreja como inspirado pelo Espírito Santo, é reconhecido por muitos estudiosos como sendo um texto muito remoto, anterior mesmo aos Evangelhos Canônicos ou até a base deles. 

A época e seu verdadeiro autor são desconhecidos. Embora tenha sido atribuído a Tiago Menor, filho de Zebedeu, alguns estudiosos refutam essa teoria, uma vez que o autor demonstra relativo desconhecimento do judaísmo.
 
Os Pais da Igreja, Orígenes, Clemente, Pedro de Alexandria, São Justino e São Epifânio citam este evangelho com muita frequência.
Leia esse Evangelho apócrifo completo em:





 



Mas não bastava nascer sem pecado era necessário que Maria fosse educada na fé e preservada, pela graça, para evitar todo vício e parte dessa responsabilidade esteve  também sobre as mãos de seus pais, Santa Ana e São Joaquim. 

Santa Ana zelou pelas virtudes daquela que seria a Mãe do Santo dos santos, Jesus, Deus feito homem pela carne de Maria.


EXISTEM MUITAS GRAÇAS ALCANÇADAS POR SANTA ANA. O PROBLEMA É QUE OS CATÓLICOS NÃO COSTUMAM DIVULGAR COMO DEVIAM ESSAS GRAÇAS. ABAIXO, COLOCO ALGUMAS GRAÇAS QUE ENCONTREI RELATADAS EM SITES DIVERSOS:



CONSEGUIU ENGRAVIDAR:

Carol Comentou:
May 24th, 2011 at 09:13
 
Tenho vontade de engravidar desde o ano passado, mas qdo ia tentar antes fui à médica fazer exames de rotina e aí descobri que não ia ser tão fácil assim, tenho endometriose e por conta desta estava com cistos nos ovários, um deles tinha quase 6cm, isso mesmo enorme, tive que operar, com mta fé e com a ajuda de Deus foi um sucesso a cirurgia. Depois da recuperação era só tentar e com toda a ansiedade veio a primeira frustração, não tinha dado certo é claro fiquei preocupada, mesmo sem eu saber uma tia mto querida começou a orar e pedir a intercessão de Sant’Ana para que o milagre da vida acontecesse comigo. Mesmo com a dificuldade que a endometriose causa para engravidar e com toda a ansiedade que eu estava Sant’Ana intercedeu por mim e posso dizer com muita alegria, que estou grávida e que fui abençoada. Obrigada Sant’Ana e minha querida Tia Sônia.








CONSEGUE UM NOVO AMOR:

Larissa Reply:
May 22nd, 2011 at 11:13
Olá,Polyana.Minha madrinha me deu uma imagem da Santa Ana;c estava me divorciando,disse q me ajudaria a ter um novo amor e felicidade.Pouco tempo depois,isso começou a acontecer….queria oração e saber c ela é padroeira da família.Grata,abraços






REALIZA SONHO DE MENINO:

ivo santana Comentou:  
January 17th, 2010 at 18:26 Amigos e Irmãos
  1. Há quem diga que não acredita em milagres…eu acredito; quando eu era menino eu sonhava em ser radialista. Saí de minha terra natal para São Paulo. Chegando na cidade grande fui trabalhar em padaria mas sempre sonhando com a comunicação no rádio. Até que um dia, uma rádio regional tomou conhecimentodo meu grande sonho e me deu a oportunidade de apresentar um programa. Mas para que eu apresentasse um programa era preciso um nome póis o meu nome não seria bem aceito. Até que lembrei da padroeira da minha cidade, Gravatá PE, Nossa Senhora Santana a qual eu havia pedido a graça de ser radialista. E por ter alcançado a graça, passei a ser chamado de Ivo Santana, por isso sempre vou acreditar em milagres. ah, o meu nome verdadeiro? é Severino Ivanildo...


 



     
 
DEVOTO RECEBE MUITAS GRAÇAS:

Antonio dos Santos de Oliveira Lima Comentou:
  1. February 6th, 2010 at 20:25
    Orlando, quem tem fé em santo ver acontecer estes milagres. Eu dou natural de Augusto Severo/RN (hoje, Campo Grande) e esta cidade tem como padroeira Nossa Senhora Santana. É a Padroeira dos Agricultores e Criadores. No Sertão Nordestino é a Santa mais popular e a que tem o maior número de devotos. Quem é devoto de Santana, sempre que recorre a Ela tem suas graças alcançadas. Èla é Padroeira de Caicó, Santana do Mato, Currais Novos e vários outros municípios do RN. No Ceará, são mais de dez municípios com Santana Padroeira. É muito bonita as histórias de milagres por interseção de Santana.
    Sou devoto de Santana e já alcancei muitas graças por sua intervenção. Minha mãe era uma grande devota de Santana. Eu tenho uma imagem de Santana em minha casa e sei que, por interseção dEla, estarei livre de todos os males. Procure conhecer a histórias dos milagres de Santana. A história de Currais Novos é muito bonita.
    Se alguém não acredita em milagres, é problema de cada um.
    Antonio dos Santos de Oliveira Lima
    Cruz/CE
    Estou pronto para receber a sua mensagem, principalmente dos devotos de Santana.
    limagronomiacruzce@yahoo.com.br














  1.  
  2.  
  3. FÉ EM SANTA ANA FAZ NASCER IGREJA: Segundo diz a tradição, nos idos de 1698, Romualdo Pedrosa da Costa Lima, integrante da Bandeira de Bartolomeu, após escapar com vida de um afogamento nos fervedouros das águas da cachoeira do funil, depositou, na crista da colina do Pouso do funil, uma imagem de Sant’Ana, como paga pela grande graça alcançada.
    Antes de 1760 a Matriz da Paróquia estava em Carrancas, na igreja Nossa Senhora da Conceição. Foi em 1751, que a pedido da pequena população do arraial de Lavras que começou a ser construída, com a autorização do Bispado de Mariana, um pequeno templo dedicado a Senhora Sant’Ana. A construção terminada em 1754 foi benta pelo Padre Manuel Martins.
    Em 1760, o bispado de Mariana, que antes tinha dado a licença para construção da capela, agora recebia um novo apelo da população do arraial: A transferência da paróquia da Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Carrancas, para o pequeno templo de Sant’Ana  em Lavras.
















BASÍLICA DE SANTA ANA DE BEAUPRÉ









MILAGRES DA BASÍLICA DE SANTA ANA DE BEAUPRÉ, QUEBEC , CANADÁ: 
 
 
 Essa Basílica foi creditada pela Igreja por muitos milagres de cura os enfermos e deficientes. É um importante santuário católico que recebe cerca de meio milhão de peregrinos a cada ano. O período de pico de peregrinação é de cerca de 26 de julho, a festa de Santa Ana, padroeira de Quebec.
 
  Santa Ana é conhecida por realizar muitos milagres, e as pessoas de todo o mundo vêm para visitar a Basílica. 
 
Primeiro milagre:
 Pilares na entrada da frente são abordados em muletas de pessoas que foram ditas ter sido curadas milagrosamente. 

O primeiro milagre relatado no local aconteceu durante a construção do santuário..  

Um homem chamado Louis Guimond foi contratado para ajudar a construir o santuário mesmo que ele sofria de reumatismo. Depois de colocar três pedras sobre fundação do santuário, Guimond foi curado de todas as suas doenças


 






 Isto foi seguido por outros testemunhos de pessoas curadas eo santuário cresceu rapidamente em popularidade. Muitos peregrinos chegaram ao santuário esperando receber um milagre, enquanto outros como Ana de Áustria apoiou o santuário. Devido à popularidade do santuário, o prédio foi ampliado várias vezes para acomodar todos os peregrinos. Milagres ainda são realizados na basílica. Ao entrar na igreja pode-se ver dois pilares preenchidos com  muletas, bengalas, aparelhos ortopédicos e outros sinais de deficiência. Cada item foi deixado por um peregrino que relata ser curado na basílica por Santa Ana. 











PAPA CURADO DE DOENÇA GRAVE:
   O Culto de Santa Ana tem um caráter universal, católico. A missa e a festa litúrgica não são tão antigas, pois remontam ao ano de 1584, quando, no dia 1º de maio Gregório XIII, por inspiração do Espírito, diz Baronius ordenou que toda a Igreja se celebrasse com solenidade de rito duplo a Festa da Santa Mãe de Maria.


 



O Papa Gregório XV, que ocupou a cátedra de Pedro de 1621 a 1623, quis que a Festa, de 26 de julho fosse de preceliz e, estando à morte por doença incurável, disse ao Venerável Inocêncio de Gluza da Ordem Franciscana que, se Santa Ana o curasse, autorizaria celebrar cada ano a Festa de 26 de Julho como obrigatória em todo mundo.O Papa restabeleceu-se e cumpriu a promessa. O ato litúrgico à gloriosa Santa Ana é um dos mais antigos e tradicionais de toda a cristandade. Cristãos das mais remotas eras construiram na Terra Santa, berço do Cristianismo, algumas igrejas e capelas dedicadas à Santa. Toda a Europa foi enriquecida de majestosos santuários e altares de Santa Ana.  








 AGRADECIMENTO POR CURA NAS ORIGENS DE PORTO ALEGRE:
No ano de 1740, a vila teve seus primeiros e legítimos fundadores, os irmãos portugueses Clemente Gomes d’Amorim e Carlos Vidal Borromeu, casado com Margarida de Freitas, filha do Capitão-mor Manoel Ferreira. Em 1752, dona Margarida de Freitas adoeceu. Ela e seu marido fizeram votos de cura a  Senhora Sant’Ana, construindo uma capela em homenagem à santa pela graça alcançada. O segundo nome de Portalegre veio através dessa devoção, passando a se chamar Serra de Sant’Ana. 







      

                                                                                                                                                                                         






MILAGRE DE SANTA ANA FUNDA CIDADE DE ANÁPOLIS, EM GOIÁS.

Em 1870, Dona Anna das Dores, filha do Alferes Antonio Gomes de Souza e de Dona Anna Victória, partiu de Jaraguá, onde residia, para Bonfim, hoje Silvânia, numa viagem de tropa de burros.

Um dos burros levava as jóias da família e uma imagem de Sant’Ana, de quem ela era devota e dela não se separava.


Nesta região havia a fazenda do Sr. Joaquim Rodrigues dos Santos, que era pouso de tropas.

Dona Anna das Dores e sua comitiva passaram a noite aqui e, de manhã, ao reunirem a tropa para continuar a viagem, os tropeiros deram pela falta de um dos burros; era justamente o que conduzia a imagem de Sant’Ana.

Depois de muito procurar, os tropeiros encontraram o burro deitado; ele estava empacado e não queria se levantar. Tiveram, então, a idéia de tirar a carga para ver se ele se levantava. Mas qual não foi a surpresa: a carga pesava tanto, que nenhum dos homens conseguia levantá la.

Intrigados com o que estava acontecendo, foram até a casa da fazenda e chamaram Dona Anna e o Sr. Joaquim com sua família.

Dona Anna, ao chegar, abriu a bagagem e viu que era a que continha a imagem de Sant’Ana. Atribuíram ao fato o desejo da Santa de permanecer neste lugar.

Ajoelhando-se, em voz alta ela prometeu construir aqui uma Igreja dedicada à Sant’Ana.

No mesmo instante, a carga voltou ao seu peso normal e o burro se levantou.




Foi um momento de grande emoção e todos que ali se encontravam ajoelharam-se e rezaram com a piedosa senhora, admitindo que um grande milagre havia acontecido.

Emocionado e muito comovido com o fato, o fazendeiro prometeu doar parte de suas terras à Senhora Sant’Ana.

Voltando a Jaraguá, Dona Anna das Dores enviou para aqui o seu filho, Gomes de Souza Ramos, com a incumbência de construir a Igreja prometida.

A fundação da cidade de Anápolis se confunde com a construção da Igreja de Sant’Ana, pois começou com o povoado que se formou em volta dela.

No ato de inauguração da Igreja, Dona Anna das Dores doou a imagem de Sant’Ana, onde ela permanece e é venerada até hoje.



Atual Igreja de Santa Ana, em Anápolis, Goiás.










                                                                     







A PROMESSA DE LUTERO, FUTURO PAI DO PROTESTANTISMO


Martinho Lutero, conhecido como o pai do protestantismo, também foi um controvertido da Mãe de Maria, Avó de Jesus.


  Martinho Lutero nasceu em Eisleben, na Alemanha, em 10 de novembro de 1483.
A família mudou-se para Mansfeld.
 
Seu pai tornou-se mineiro, devoto de Santa Ana, que é a santa cuidadora dos mineiros. 



Por isso, Lutero também a venerou.

  Durante uma terrível tempestade, quando voltava de visitar seus pais. Não havia abrigo próximo. Os céus estavam em brasa, os raios rasgavam as nuvens a cada instante. 

De repente um raio caiu ao seu lado. Lutero, tomado de grande susto, e sentindo-se perto do Inferno, prostrou-se gritando: 

Sant'Ana, salva-me e tornar-me-ei monge!”.

Lutero chamava a esse incidente “ A minha estrada, caminho de Damasco” e não tardou em cumprir a sua promessa feita a Sant'Ana.


Assim se justificou Lutero: “Fiz a promessa a Sant'Ana, para salvar a minha alma. Entrei para o convento e aceitei esse estado espiritual somente para servir a Deus e ser-lhe agradável durante a eternidade”.

 Mais tarde, após ter se colocado contra a Igreja , Lutero refutou a devoção a Santa Ana, alegando que ela não possuía base bíblica, atacou , principalmente, as imagens de Ana com Jesus e Maria, favorita dos pintores renascentistas.

Com certeza, Lutero desconhecia a importância da tradição da Igreja, pela qual Santo Agostinho , no séc. IV, já dizia :

"Eu não acreditaria no Evangelho, se a isso não me levassa a autoridade da Igreja Católica."


É claro que a Bíblia é a palavra de Deus, mas quem afirmou isso foi a própria Igreja, a mesma que conservou  as escrituras, e decidiu desde os primeiros séculos quais os livros inspirados. 

No entanto, para entender a Bíblia não basta a livre interpretação, é preciso ouvir a Tradição e o Magistério ( conjunto dos bispos reunidos com o Papa e os concílios realizados).














A Virgem livre do pecado ( Imaculada)
 com seus pais, Joaquim e Ana.







ORAÇÃO A SANTA ANA:

Senhora Sant’Ana, fostes chamada por Deus a colaborar na salvação do mundo. Seguindo os caminhos da Providência Divina, recebeste São Joaquim por Esposo. 

Deste vosso matrimônio, vivido em santidade, nasceu Maria Santíssima, que seria a Mãe de Jesus Cristo. 

Formando Vós família tão santa, confiantes nós vos pedimos por esta nossa família. Alcançai-nos a todos as graças de Deus: aos PAIS deste lar, que vivam na santidade do matrimônio e formem seus filhos segundo o Evangelho; aos FILHOS desta casa, que cresçam em sabedoria, graça e santidade e encontrem a vocação a que Deus os chamou. 

E a TODOS nós, Pais e Filhos, alcançai-nos a alegria de viver fielmente na Igreja de Cristo, guiados sempre pelo Espírito Santo, para que um dia, após as alegrias e sofrimentos desta vida, mereçamos também nós chegar à casa do Pai, onde vos possamos encontrar, para junto sermos eternamente felizes, no Cristo, pelo Espírito Santo. 

Amém.







                                                    
Se ela é avó de Jesus, imagine quantas graças ela não nos pode alcançar por sua intercessão, pois mesmo depois de morta ela ainda fala (Hebreus 11,4) e foi uma Mulher de fé, que temeu o Senhor, por isso é digna de ser louvada  (Provérbios 31,30).



"Os filhos dos filhos são uma coroa para os idosos, 
e os pais são o orgulho dos seus filhos."
 Provérbios 17,6








5 comentários:

  1. LOUVADA SEJA PARA TODO O SEMPRE A MÃE DA MÃE DE DEUS...

    Alexandre Rocha da Silva e Família.

    ResponderExcluir
  2. LOUVADA SEJA PARA TODO O SEMPRE A MÃE DA MÃE DE DEUS...

    Alexandre Rocha da Silva e Família.

    ResponderExcluir