segunda-feira, 30 de maio de 2011

SALVE, JOANA DARC! - ORAÇÃO







SALVE, JOANA DARC, VIRGEM DE LORAINE, GUERREIRA SALVADORA DA FRANÇA!


SANTA JOANA DARC, OLHAI POR MIM, VELAI POR MEUS PASSOS, GUARDAI MEU CORPO DE TODOS OS INIMIGOS E MINHA ALMA DA CONDENAÇÃO ETERNA.





ESTEJA AO MEU LADO , DE ESPADA E ESCUDO EM MÃOS, PROTEGENDO-ME EM TODOS OS PASSOS QUE DER, ILUMINANDO MINHAS AÇÕES E INSPIRANDO-ME NA VOZ DA CORAÇÃO.

COBRI-ME COM A BANDEIRA DO NOME DE JESUS, REVESTI-ME COM A ARMADURA DA ORAÇÃO E DA PALAVRA DE DEUS, FORITFICAI-ME COM A GRAÇA DOS BEM AMADOS.

NAS BATALHAS DA VIDA, QUE EU SEMPRE GANHE, MESMO QUANDO PERDER, QUE EU SAIA VITORIOSO, QUANDO TUDO PARECER DERROTA, QUE EU ANDE ALTIVO QUANDO TUDO SE ESMAECE.

QUE O BRIO DE SANTA JOANA DARC ESTEJA COMIGO. AMÉM






SANTA BERNADETE SOUBIROUS - CORPO INTACTO, INCORRUPTO

Santa Bernadette Soubirous


SOBRE A VIDA DE BERNADETE, LEIA:


 Santa Bernadette Soubirous, Irmã Marie-Bernard, nome na Congregação de Irmãs da Caridade e da Instrução Crista, morreu aos 35 anos de idade, no dia 16 de abril de 1879, precisamente no aniversário da última "aparição" (visão) de Nossa Senhora.

PRIMEIRA EXUMAÇÃO DO CORPO

Uma primeira exumação foi realizada a 22 de setembro de 1899, isto é, 20 anos após a morte.

Durante os processos de beatificação e de canonização, por ordem do tribunal eclesiástico, seu corpo foi minuciosamente examinado em mais três exumações a 22 de setembro de 1909, 3 de abril de 1919 e 18 de abril de I925, respectivamente 30, 40 e 46 anos após a morte da santa.





SEGUNDA EXUMAÇÃO:

Na segunda exumação desta série, 40 anos após a morte, já apareciam sinais do incipiente cartonamento.



O Dr. Comte, médico de tendência claramente racionalista, fica feliz de poder encontrar e destacar pontos negativos: o corpo está incipientemente ou "quase mumificado.

 A pele permanece na maior parte do corpo, coberta de algum mofo, de camadas bastante notáveis de sais que parecem ser sais calcários (. . .). As unhas das mãos estão todas pouco mais ou menos conservadas, mas estão muito móveis (. . .). As partes moles do nariz estão em algumas partes destruídas”.



As pessoas que assistiram à primeira exumação diziam que (nesta segunda) o corpo estava mais escurecido, principalmente as partes descobertas, como o rosto as mãos e os pés. E principalmente que elas estavam recobertas de mofo e de sais calcários.” - Na realidade, o próprio Dr. Comte, a seu pesar, teve de reconhecer que o enegrecimento e possivelmente também o iniciar-se e a aceleração do cartonamento - “pode explicar-se pela lavagem feita pelas irmãs quando do primeiro exame de reconhecimento, lavagem que forçosamente deixou uma forte umidade”.

 0 enegrecimento é decorrência da absorção pela pele da carbonização superposta.



Após a terceira exumação, o Dr. Comte, é claro, consegue encontrar novamente aspectos negativos e não deixa de salientar novamente "uma bastante forte camada de cristais e de sais calcários”. - Na realidade tanto o mofo como os sais calcários dão “mérito” à incorrupção, porque provam a excessiva umidade do túmulo ( E MESMO ASSIM ELE NÃO SE DETERIOROU).





Após a segunda exumação - e o racionalista não deixa de frisá-lo por cima de tudo o mais -, “um artista recobriu o rosto com uma máscara de cera com muito êxito, porque o rosto, bem mumificado (?), escuro, com os olhos e o nariz escavados, produziria sem dúvida sobre o público uma impressão desagradável.



Pelo mesmo motivo, as mãos foram também recobertas de cera mas conservando a atitude que tinham no túmulo”.



Hoje o corpo de santa Bernadette Soubirous está exposto num sarcófago de vidro, no coro da Capela do Convento de São Gildardo (Saint-Gildard), cm Nevers.

 O corpo está completo, salvo alguns pequenos ossinhos retirados pelos médicos já na primeira exumação, para reliquias!

- Pode comprovar-se perfeitamente que o corpo esteve totalmente incorrupto e, posteriormente, artificialmente facilitada a conservação no cartonamento inicial.

Porque todos esses pontos “negativos” destacados pela preconcebida atitude dos racionalistas e dos seus sequazes, na realidade constituem admiravelmente “a marca” permanente da milagrosa incorrupção anterior, fato que os racionalistas “esquecem”:



“Até o sepultamento, isto é, durante três dias completos, os membros conservavam toda sua flexibilidade as mãos sua cor natural, e a extremidade dos dedos estava rosada, como se o sangue lá circulasse!



Tanto os operários como os agentes de Polícia, que viram os últimos preparativos para a colocação no túmulo (pelas leis francesas precisava-- se licença especial para enterrar fora de cemitério oficial), ficaram maravilhados da flexibilidade dos membros.

 Foi neste momento que o Comissário de Polícia pediu uma medalha que houvesse tocado no corpo de nossa irmã.



Enfim, não se observou nem secreção nem cheiro que denunciasse a menor decomposição".

Na aludida e primeira exumação “privada”, em presença de autoridades eclesiásticas locais e de dois médicos, em 1899, 20 anos após a morte, todos os presentes assinaram "um protocolo onde se fazia constar sob juramento que o corpo de Bernadette estava completamente incorrupto, que inclusive puderam verificar pela boca entreaberta que todos os den-tes estavam em perfeitas condições, e que também as partes mais propensas, como os olhos, as mãos e as unhas, estavam perfeitamente preser-vadas da decomposição que nos seus braços a forma das veias era claramente visível .

Logicamente o cadáver estava sujo pela umidade do túmulo, foi por isso que as irmãs o lavaram minuciosamente e o reves-tiram de roupas secas”.

 Na primeira exumação oficial (contando a anterior exumação “privada :" , esta seria a segunda) da série de três durante os processos de beatificação e canonização, o corpo de santa Bernadette Soubirous continuava perfeitamente incorrupto.





Os médicos ficaram convencidos de que foi clarissimamente milagre que o cadáver “se conservasse preservado de toda mácula”.






"Não havia o menor indício de corrupção nem algum mau cheiro despedia o corpo da amada irmã. Mesmo o hábito com que a enterraram estava intacto. Seu rosto estava um pouco escurecido”

(podia ser simplesmente sujeira, como se comprovou depois, quando novamente a lavaram).

Os olhos ligeiramente afundados (como eram pela doença, antes da morte).

“Parecia estar dormindo.”

“As roupas, úmidas, foram trocadas por outras novas.”

 “Parece que acaba de adormecer, e seu rosto é de uma admirável beleza.”

 “ O aspecto impressionante da pequena morta lembra o das jovens virgens dos primeiros séculos encontradas (nos desenhos) das catacumbas.”

“As mãos ainda seguravam o crucifixo profundamente estragado e coberto de verdete, e o terço quase completamente corroído pela umidade e pela ferrugem.

 “Seu corpo tão puro, ele mesmo triunfou da corrupção do túmulo.”



“0 corpo mostra não haver sofrido a putrefação nem a decomposição cadavérica habitual e normal, após uma tão longa permanência numa cova escavada na terra.”

- E este último depoimento é.. . do próprio Dr. Comte!

 “Passaram o corpo a um ataúde de chumbo, revestido por dentro com seda branca e por fora com um invólucro de carvalho. Colocou-se lá um certificado dentro de um vidro referindo a abertura do ataúde e as condições do corpo.

 Depois o corpo foi depositado novamente na capela mortuária de nosso jardim. ”
CONCLUSÃO:

PELO QUE LI, O CORO DE BERNADETE ATUALMENTE ESTÁ COBERTO POR UMA CAMADA DE CERA.
NÃO ENTENDO BEM SE ISSO É O QUE SE CHAMA DE MUMIFICAÇÃO.

PORÉM, O GRANDE MILAGRE MESMO FOI O FATO DO CORPO MANTER SEU ASPECTO VIVO E AGRADÁVEL MESMO APÓS 3 DIAS DE SUA MORTE, E APÓS 20 ANOS ENTERRADO EM LOCAL ÚMIDO SEM SE DECOMPOR.


APÓS 20 ANOS, SEU CORPO AINDA ESTAVA INTACTO, COM ALGUNS SINAIS DE QUE ESTAVA COMEÇANDO A SE DECOMPOR.

E ISSO TAMBÉM É MILAGRE, POIS UM CORPO NORMAL NÃO DEMORA TANTO TEMPO PARA SE DECOMPOR.

CORPO INCORRUPTO NÃO SIGNIFICA QUE NUNCA VAI SE ACABAR.

É APENAS UM SINAL DE DEUS, QUE UMA HORA OU OUTRA ACABA.

O CORPO  SE MANTÉM INTACTO DURANTE ALGUM TEMPO PARA QUE OS HOMENS PERCEBAM QUE ALI HÁ UM DOM DE DEUS, MAS NUM DADO MOMENTO ESSA GRAÇA SE ACABA, O QUE NÃO DEIXA DE SER MILAGRE.

 NEM TODOS OS SANTOS TIVERAM ESSA GRAÇA.

SANTA TEREZINHA MESMO SÓ RESTARAM OS OSSOS.

MUITOS CORPOS SÃO MUMIFICADOS.

NO ENTANTO, O DE BERNADETE SÓ O FOI APÓS MAIS DE 20 ANOS, E ISSO É MILAGRE!




A incorrupção, após as rigorosas análises exigidas pela Pontifícia Congregação dos Ritos, foi aceita como um dos milagres para a beatificação de Bernadette Soubirous”.



Sem deixar de ser milagre, a incorrupção pode ser total, ou parcial; durante muitos anos e inclusive séculos ou durante poucos anos e inclusive por só umas semanas.

A incorrupção pode superar as dificuldades especiais da natureza e mesmo as agressões livres do homem, ou após algum tempo sucumbir a elas. 

O corpo incorrupto pode passar depois ao cartonamento ou sem passar por ele sucumbir por fim à corrupção normal.

Igualmente “a marca”, o cartonamento, pode permanecer por séculos, ou em grande variedade de distâncias no tempo a força da natureza terminar por corromper o cartonamento anterior.

 E corrompê-lo totalmente ou respeitando plenamente um ou poucos órgãos.


REFERÊNCIAS:

Pag 388, 389 e 390 do Livro "Os Milagres e a Ciência" - Autor Oscar G. Quevedo- Edições Loyola.
















COMO VIMOS, A INCORRUPÇÃO DE UM CORPO NÃO É UM ASSUNTO TÃO SIMPLES ASSIM.

POR ISSO, NAS PRÓXIMAS POSTAGENS, PROCURAREI PESQUISAR MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO.





























domingo, 29 de maio de 2011

OBRIGADO, MEU DEUS





OBRIGADO, SENHOR, POR HOJE.

PELO NADA E PELO TUDO.

PELO VAZIO E PELA PLENITUDE.

POR TANTO E NENHUM

PELA ALEGRIA E PELA TRISTEZA

PELA PLENITUDE E SOLIDÃO

PELO BARULHO E SILÊNCIO

PELA MÃO CHEIA E DE NOVO VAZIA

PELA ATENÇÃO E O ABANDONO

PELA LUZ E AS TREVAS

POR TODA CONTRADIÇÃO QUE SOU EU

POR TODA LOUCURA QUE É A VIDA

PELO QUE NÃO ENTENDO

PELO QUE ACHO QUE ENTENDO

OBRIGADO, SENHOR,

POR ESTARES AO MEU LADO

POR ME SENTIR SÓ MESMO ASSIM, ÀS VEZES.

PELA NOITE ESCURA DE TODOS OS SANTOS QUE VIVO

PELA ESPERA DE UM NOVO DIA

E DA PÁSCOA

PELA ETERNA ESPERANÇA DA FÉ

PELO AMOR ETERNO DA CRUZ

PELA GLÓRIA DE ACREDITAR EM TI

OBRIGADO, SENHOR.














sexta-feira, 27 de maio de 2011

ADMIRO -TE JOANA



NÃO CANSO DE PENSAR EM TI, JOANA,

NESSES DIAS DE TUA NOVENA.

PENSO EM COMO FOI DIFÍCIL PARA TI ,SENDO AINDA TÃO CRIANÇA,

 ENFRENTAR

A CÔRTE DA FRANÇA COM PESSOAS HIPÓCRITAS, MENTIROSAS E INTERESSEIRAS, CHEIAS DE JOGOS DE PALAVRAS.

PENSO EM COMO FOSTES TÃO CHEIA DE DETERMINAÇÃO, FÉ E CORAGEM, PARA

 ACREDITAR PIAMENTE QUE TINHAS UMA MISSÃO DE DEUS, A MISSÃO DE SALVAR A FRANÇA.


FOSTES OUSADA E DESTEMIDA.

FOSTES CONFIANTE, UMA GUERREIRA,

 MAS TAMBÉM UMA PACIFISTA EMPUNHANDO A

 BANDEIRA DA PAZ COM OS NOMES DE JESUS E MARIA.




PARA MIM, ÉS UM EXEMPLO NAS LUTAS DE MEU DIA,

NAS BATALHAS DE MINHA VIDA.

QUANDO PENSO QUE NADA TENHO E QUE ESTOU SÓ,

OLHO PARA TI
E

LEMBRO COMO NUNCA PERDESTES A FÉ EM DEUS,

MESMO QUANDO FOSTES PRESA E SOFRESTES AMEAÇAS E VIOLÊNCIAS DOS INIMIGOS

 INGLESES.







PEÇO TUAS BÊNÇÃOS, JOANA,

TUA INTERCESSÃO JUNTO A CRISTO,

PARA QUE EU TENHA UMA FÉ FORTE COMO TIVESTES,

PARA TER SAÚDE QUE PRECISO,
MAS PARA ACIMA DE TUDO:

 AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS.





NÃO ESQUEÇO NUNCA:

 QUANDO LI, QUE,  NO MEIO DAS CHAMAS,

NA FOGUEIRA,

GRITAVAS O NOME DE JESUS.

PEÇO-TE, JOANA, PARA PODER MORRER E VIVER DESSE MODO:

INVOCANDO O NOME DE JESUS,

GRITANDO NO MEIO  DAS CHAMAS DE MINHAS DÚVIDAS E DESESPERO:

JESUS!

JESUS!

JESUS!

CHAMANDO POR SEU AMOR,

E QUE MINHA ALMA COMO POMBA,

TAL QUAL A TUA,

POSSA TAMBÉM SUBIR AO CÉU.




segunda-feira, 23 de maio de 2011

Ó SANTA JOANA DARC QUERO RELEMBRAR TUA MEMÓRIA



Ó JOANA DARC, QUERO NESTE DIA RELEMBRAR TUA MEMÓRIA NESTA SEMANA QUE É A NOVENA EM TUA HONRA.

QUERO RELEMBRAR TUA VIDA,
PARA SUPLICAR A DEUS A MESMA CORAGEM E DETERMINAÇÃO QUE TIVESTES.

QUERO RELEMBRAR TEUS FEITOS,
PARA SUPLICAR A DEUS A GRAÇA DE NUNCA DESISTIR EM SEU SERVIÇO

QUERO RELEMBRAR TUA MISSÃO,
PARA IMPLORAR A DEUS O DOM DE ENXERGAR E AMAR A MINHA ,SEJA QUAL FOR NESTE MUNDO.

QUERO OLHAR TUA IMAGEM,
PARA ROGAR A DEUS A DÁDIVA DE PODER ME ASSEMELHAR A TEU CARÁTER E VIRTUDES. 





PEÇO-TE , JESUS, O DOM DE GRITAR POR TEU NOME NAS CHAMAS
DAS TENTAÇÕES DA VIDA E NO ABANDONO.

PEÇO-TE, JESUS, ASSIM COMO JOANA, NUNCA DEIXAR DE TE AMAR.

PEÇO-TE, JESUS, LEVAR TEU NOME E O DE MARIA NUM ESTANDARTE , COMO ELA FEZ, MAS EM MEU CORAÇÃO.









SUPLICO, SENHOR, QUE ONDE EU VÁ, HOJE, EU SEJA ALTIVO E GLORIOSO,
 COMO JOANA, DIANTE DOS INIMIGOS.

QUE EU SEJA HUMILDE E SIMPLES, DIANTE DOS SIMPLES, E PODEROSO E FORTE ,
DIANTE DOS FORTES,
COMO TUA SERVA JOANA O FOI.

QUE EU LEVE TUA PRESENÇA A TODOS.

E SEJA UM ANJO EM MEIO À GUERRA DO BEM E DO MAL QUE NUNCA CESSA.

SANTA JOANA, OLHAI POR MIM, HOJE, AMANHÃ E SEMPRE.
AMÉM


domingo, 22 de maio de 2011

LADAINHA DE SANTA RITA DE CÁSSIA

LADAINHA DE SANTA RITA:


Senhor, tende piedade de nós.

Cristo, tende piedade de nós.

Senhor, tende piedade de nós, Cristo, ouvi-nos.

Cristo, atendei-nos.

Deus, o Pai dos céus, tende piedade de nós.

Deus, o Filho Redentor do mundo, ....

Deus, o Espírito Santo, ...

Santíssima Trindade,que sois um só Deus, ...

Maria Imaculada, Mãe de Deus, rogai por nós.

Santa Maria, Mãe do puro amor, ...

Santa Maria, consoladora dos aflitos, ...

Santa Maria, Rainha de todos os santos, ...

Santa Maria, modelo de vida de Santa Rita, ...






Santa Rita, a nossa advogada e protetora, ...

Santa Rita, amada pelo Senhor, ...

Santa Rita, dádiva especial  do céu, ...










Santa Rita, notável na infância, ...

Santa Rita, modelo de obediência à vontade de Deus, ...

Santa Rita, de incansável paciência ...

Santa Rita, modelo das mães cristãs, ...

Santa Rita, espelho para os esposos cristãos, ...


Santa Rita, no sacrifício heróico, ...

Santa Rita, generosa no perdão, ...

Santa Rita, mártir em penitência, ...

Santa Rita, humilde e amante da pobreza, ...

Santa Rita, exemplo das viúvas, ...

Santa Rita, pronta para atender a chamada divina, ...

Santa Rita, paciente no sofrimento, ...

Santa Rita, espelho de observância religiosa, ...








Santa Rita, Rosa mística de todas as virtudes, ...

Santa Rita, amante da Paixão de Cristo, ...

Santa Rita, perfurada com um espinho ...

Santa Rita, em êxtase diante do Santíssimo Sacramento, ...




Santa Rita, consumida no Amor Divino, ...

Santa Rita, recebida no céu com alegria, ...

Santa Rita, em seu corpo incorrupto casto, ...

Santa Rita, advogada das causas impossíveis, ...

Santa Rita, perseverante na oração, ...

Santa Rita, socorro dos necessitados, ...









Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, ó Senhor.




Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, ó Senhor.

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós.


Senhor, vós marcastes vossa serva, Rita.

Com a marca de vosso amor e paixão.















OREMOS:

 Ó Deus, que concedestes, em Santa Rita, a graça santificante de tal forma que ela amou seus inimigos, e deu à luz em seu coração e em sua testa a marca de seu amor e paixão, concedei-nos, nós vos pedimos, através de seus méritos e intercessão, amar tembém os nossos inimigos.

E que através da contemplação do sofrimento e da paixão de Cristo,  possamos merecer a recompensa prometida aos mansos e aos que sofrem. Vós que viveis e reinais para sempre. Amém







 VIVA, SANTA RITA DE CÁSSIA!
VIVA, A SERVA DE CRISTO!
VIVA, O EXEMPLO PARA OS CRISTÃOS!
VIVA, SANTA RITA!




















































































































SANTA RITA E SUA MORTE









A doença da Santa estava cada dia piorando e as dores tinham se tornado insuportáveis.








Com orações e santas aspirações ela se preparou para receber os sacramentos e entre expressões de amor a Jesus e Maria sua alma se libertou dos vínculos que a prendiam á terra.






Finalmente, com 78 anos de idade e 40 de vida religiosa, faleceu Santa Rita em Cássia, no velho Convento das Agostinianas, no dia 22 de maio de 1457, recreada com visões celestiais e depois de ter recebido com muita piedade os últimos sacramentos.

 


 
Neste momento mãos invisíveis tangeram os sinos do convento e da vila de Cássia, entoando um hino triunfal das esposas eternas, convidando a comunidade e a população para fazer um coro na glorificação da alma daquela que viveu e morreu na santidade...





 
A morte de Rita foi acompanhada de muitos milagres.




A cela onde ela faleceu, apareceu uma luz de grande esplendor e um perfume especial se fez sentir em todo o mosteiro, e a ferida do espinho, antes de aspecto repugnante tornou-se brilhante, limpo, cor de rubi.






Centenas de pessoas compareciam ao convento para ver a "Santa", cujo cadáver ficou em exposição além do tempo legal.

As religiosas, cantavam hinos de agradecimento a Deus, por ter exaltado no céu e na terra sua serva.




Quarto em que Rita morreu.







Oitavo dia
 

Santa Rita, profunda penitente



Ó admirável Santa Rita de Cássia, descobriste na fé e na penitência uma forma misteriosa de amar secretamente a Deus, a quem escolheste seguir. Ajuda-nos também a descobrir a penitência como um valor evangélico de conversão pessoal e desprendimento de todas as formas de egoísmo.

Nono dia





Tema: Santa Rita, padroeira das causas impossíveis.



Ó admirável Santa Rita de Cássia, em virtude dos prodígios que conseguiste de Deus, foste escolhida como padroeira de todas as causas impossíveis. Ajuda-nos a sempre mais confiar no milagre maravilhoso do amor que faz o maior de todos os prodígios sobre a terra: a conversão de todos os corações para Deus


Oração final





Deus Pai de bondade, vós nos dais o exemplo dos santos para que imitando-os na terra, possamos chegar um dia às alegrias do céu. Dai-me, vos peço, por intercessão de Santa Rita de Cássia, padroeira dos casos desesperados e impossíveis, que tanto vos amou nesta vida, as graças que tão ardentemente vos suplico...




 
 
 
 
 
 
 

 



sexta-feira, 20 de maio de 2011

SANTA RITA E A COMUNHÃO




Incapaz de se alimentar, durante os últimos dias de sua vida Rita alimentava-se apenas da santa comunhão.




Em meio as dores, que cruciavam seu corpo, ela conservava a alegria do espírito e um sorriso encantador brilhava constantemente em seu rosto.


Sétimo dia





Tema: Santa Rita, obediente aos superiores.


Ó admirável Santa Rita de Cássia, como ninguém obedeceste aos teus superiores religiosos por ver nessa obediência um valor evangélico, um amor de quem tudo entrega por um amor sempre maior. Ensina aos cristão de nossos dias a verdadeira caridade mútua, que faz com que toda forma de obediência não seja mais que um modo de servir aos irmãos.


Oração final

 
Deus Pai de bondade, vós nos dais o exemplo dos santos para que imitando-os na terra, possamos chegar um dia às alegrias do céu. Dai-me, vos peço, por intercessão de Santa Rita de Cássia, padroeira dos casos desesperados e impossíveis, que tanto vos amou nesta vida, as graças que tão ardentemente vos suplico...







SANTA RITA, OBRIGADO PORQUE MINHA MÃE FEZ A CIRURGIA DE CATARATA QUE TANTO ESPERAVA NESSA SEMANA, DURANTE TUA NOVENA ,E TUDO OCOCRREU BEM.
OBRIGADO, PORQUE SINTO QUE ESTÁS JUNTO A MIM E QUE ESSA NOVENA ME APROXIMA MAIS DE TUA PRESENÇA AMIGA E PROTETORA.
OBRIGADO, MEU DEUS, E AGRADEÇO POR TUA SERVA, SANTA RITA ,QUE SEI QUE OLHA POR MIM E PEDE POR MIM JUNTO A TI.

OBRIGADO , MEU DEUS, POR TEU PERDÃO, TEU AMOR, TUA BONDADE, TUA MISERICÓRDIA.
OBRIGADO, JESUS, PORQUE ESTÁS JUNTO DE MIM E NUNCA DESISITES DE ME AMAR E ME QUERER BEM. PERDOE-ME POR TANTOS ERROS E GUIE-ME NO CAMINHO DE TUA BONDADE.

PROTEJA MINHA FAM´[ILIA E AMIGOS E DÊ SAÚDE A TODOS, COMO TAMBÉM FORTALEÇA MINHA SAÚDE NA ALMA, ANTES, E NO CORPO TAMBÉM.
AMÉM. AMÉM.AMÉM



quarta-feira, 18 de maio de 2011

SANTA RITA E O MILAGRE DA CHAGA DO ESPINHO DA COROA DE CRISTO - O ESTIGMA









Em 1443, veio a Cássia para pregar a Quaresma, São Tiago de La Marca.

O sermão da paixão de Nosso Senhor sensibilizou profundamente Rita, que compareceram com as outras religiosas para ouvir a pregação.

Voltando ao convento, profundamente emocionada com o que ouvira, prostrou-se diante da imagem do crucifixo que se achava em uma capela interior, e suplicou ardentemente a Jesus que lhe concedesse participar de suas dores.

 E eis que um espinho se destacou da coroa do crucifixo, veio a ela e entrou tão profundamente em sua testa que a fez cair desmaiada e quase agonizante.








Quando voltou a si, a ferida lá estava, atestando o doloroso prodígio.

Enquanto as chagas de São Francisco e de outros santos tinham a cor do sangue puro e não eram repugnantes, a de Rita se converteu numa ferida purulenta e fétida, de maneira que a pobre vítima, para não empestear a casa, teve de ser recolhida a uma cela distante, onde uma religiosa lhe levava o necessário para viver.

Ela suportou a ferida durante 15 anos.

 

Em 1450 foi celebrado o jubileu em toda a Cristandade e como algumas irmãs estavam se preparando para ir a Roma, Rita manifestou um ardente desejo de as acompanhar, mas seu estado de saúde estava se agravando devido a ferida que o espinho havia deixado em sua testa.

 

Sendo assim as irmãs acharam que Rita não deveria ir, então ela pedindo a Deus para a ferida desaparecer foi mais uma vez atendida e conseguiu acompanhar as irmãs agostinianas a Roma, com grande proveito para sua alma.

Mas logo que voltou da viagem a ferida reapareceu e também uma enfermidade incurável que lhe causava um grande sofrimento.





Aquela ferida era, na verdade, fonte de celestiais doçuras para a santa, mas, ao mesmo tempo, de desgosto para as religiosas, que não podiam suportar a vista daquela repugnante ferida, vendo-se, por esse motivo, obrigada a viver isolada de suas amadas irmãs.

 A santa aceitou isso como um novo favor do céu, ficando, assim, livre para tratar mais intimamente com Deus.









Ali redobrou as suas penitências, os seus jejuns e as suas orações, esforçando-se em unir-se mais estreitamente com Jesus, seu celestial esposo.

A maioria dos santos que têm recebido esse dom exalam uma fragrância celestial.









As chagas de Santa Rita, sem dúvida, exalavam um odor pútrido, pelo que devia afastar-se das pessoas.

Por quinze anos viveu sozinha, longe de suas irmãs monjas.




Cruz diante da qual Santa Rita recebeu o estigma









SEXTO DIA DA NOVENA

Tema: Santa Rita, amante do Crucificado.



Ó admirável Santa Rita de Cássia, descobriste no amor de Jesus crucificado um caminho para amar também o sofrimento. Ensina-nos a carregar nossas cruzes quando elas surgirem, sem desanimar ou desesperar.






Mostra-nos também o calor redentor de todos sofrimento aceito por amor a Jesus que nada mais tendo a oferecer, deu-nos Sua própria vida.

 

Oração final




Deus Pai de bondade, vós nos dais o exemplo dos santos para que imitando-os na terra, possamos chegar um dia às alegrias do céu. Dai-me, vos peço, por intercessão de Santa Rita de Cássia, padroeira dos casos desesperados e impossíveis, que tanto vos amou nesta vida, as graças que tão ardentemente vos suplico...


SANTA RITA, OLHAI POR NÓS!
SANTA RITA, CONVERTEI-NOS!
SANTA RITA, ROGAI POR NÓS!






















    Recentes exames médicos, no corpo mumificado de Santa Rita, informaram que sobre a testa, à esquerda, existem traços de uma ferida óssea (osteomielite).






























MILAGRE DA ROSA DE SANTA RITA DE CÁSSIA












No último período de sua vida, aconteceu um fato, que era a prova do carinho que Deus dispensava a sua Serva.














Durante um rigoroso inverno , pessoas da cidade de Rita, Roccaporena, descobriram na horta da antiga casa de Rita uma roseira coberta de lindas rosas e uma figueira com frutos maduros e saborosos.

Rita, ficou feliz com esta maravilhosa notícia e sentiu-se profundamente consolada, louvava cada vez mais a Deus.







 



 



Explicam esses fatos o piedoso costume de enfeitarem a imagem da Santa, particularmente no dia de sua Festa, com rosas, figos, cachos de uvas e abelhas.

 A Santa Igreja mesma parece querer perpetuar o milagre das rosas, aprovando a Bênção das Rosas que se faz no dia da Festa ou no dia 22 de cada mês, para alívio dos enfermos.








OUTRA VERSÃO DO  PRODÍGIO DA ROSA


 Cinco meses antes da morte de Rita, num dia de inverno em que a temperatura era muito fria e um manto de neve cobria tudo, uma parente lhe foi visitar e antes de ir embora perguntou à Santa se Ela desejava alguma coisa, Rita respondeu que desejava uma rosa da sua horta.





Quando voltou a Roccaporena, a parente foi à horta e grande foi a sua surpresa quando viu uma belíssima rosa, a colheu e  levou-a a Rita.






Assim Santa Rita foi denominada a Santa do "Espinho" e a Santa da "Rosa".











Quinto dia








Tema: Santa Rita, amante da vida religiosa.







Ó admirável Santa Rita de Cássia, nutriste como ninguém um amor total à vida consagrada e religiosa. Mostra a muitos jovens de hoje o caminho para descobrir o verdadeiro amor desinteressado e total a Deus e aos irmãos. Intercede para que surjam muitas e santas vocações sacerdotais e religiosas.








Oração final








Deus Pai de bondade, vós nos dais o exemplo dos santos para que imitando-os na terra, possamos chegar um dia às alegrias do céu. Dai-me, vos peço, por intercessão de Santa Rita de Cássia, padroeira dos casos desesperados e impossíveis, que tanto vos amou nesta vida, as graças que tão ardentemente vos suplico


PAI NOSSO. AVE MARIA. GLÓRIA AO PAI.









SANTA RITA, ORAI POR NÓS!
SANTA RITA, INTERCEDEI POR NÓS!