quarta-feira, 24 de novembro de 2010

MILAGRES DIVERSOS DE LEVITAÇÃO - O SANTO QUE VOAVA



SÃO JOSÉ DE CUPERTINO




 

Se conhece de mais de 200 santos que experimentaram a levitação. Este dom extraordinário consiste na elevação do corpo humano sem a participação de nenhuma força física.

 

É um presente, um dom de Deus para determinadas almas muito elevadas espiritualmente. São José de Copertino teve numerosas levitações.

 

Um domingo, festa do Bom Pastor, São José de Cupertino apresentou-se com um cordeirinho nos ombros e ao pensar em Jesus Bom Pastor, foi-se levantando pelos ares.

Caía em êxtases com muita freqüência, durante a Missa, ou quando rezava os Salmos.

Durante os 17 anos que esteve no Convento de Grotella, seus companheiros de Comunidade observaram 70 êxtases.

 

Levitou carregando uma cruz pesada até a montanha




O mais famoso dos êxtases aconteceu quando dez obreiros do Convento desejavam levar uma pesada cruz a uma alta montanha, mas não conseguiam pelo peso e a distancia a percorrer.

Frei José, tomou a Cruz sozinho, pôs sobre os ombros e foi se elevando, como que voando até o alto da montanha, e lá depositou a Cruz, sob os olhos atônitos de seus irmãos.
 




Desculpa-se por levitar - A virtude da obediência:





 

Quanto estava em êxtases, como não retornava, seus irmãos o cutucavam com agulhas, lhe davam pauladas e até colocavam velas acessas para queimar seus dedos, mas mesmo assim José não retornava, a não ser quando ouvia a voz de seu Superior pedindo-lhe que regressasse.

Quando regressava dos êxtases, constantemente se desculpava dizendo a seus companheiros:

“Desculpem-me por estes ataques de vertigens que me ocorrem”.


 

Levitando por amor  a Santíssima Virgem:

 


Um dia chegaram ao Convento o Embaixador da Espanha com a esposa e mandaram chamar ao Frei José para que os atendessem em uma consulta espiritual.

 Este chegou correndo, porém quando chegou correndo para falar com eles, viu um quadro da Virgem Maria, que estava no alto da parede, e dando seu típico pequeno grito, se foi elevando pelo ar até o alto e ficar de frente com o quadro da Sagrada Imagem.

O Embaixador e sua esposa contemplaram com emoção esta ação divina, coisa que jamais tinham visto.

O Santo rezou uns momentos e em seguida desceu suavemente ao solo e extremamente constrangido, subiu correndo a sua habitação, e não saiu do quarto mais nesse dia.
São José de Cupertino levitando por devoção a Virgem Maria






Em Ósimo, onde o Santo passou seus últimos seis anos, um dia os demais religiosos o viram elevar-se até uma Imagem da Santíssima Virgem Maria que estava a três metros e meio de altura e dar um beijo no Menino Jesus, e ali junto a Mãe e o Filho ficou um bom tempo rezando com intensa emoção, suspenso no ar.



São José de Cupertino levitando na Missa







  

O Dia da Assunção da Virgem no ano de 1663, um mês antes de sua morte, celebrou sua última missa, e estando celebrando, ficou suspenso no ar como se estivesse no céu, diante de Deus. Muitos testemunharam este fato.


 

Levitando diante do Papa e perseguido pela Inquisição






 




Numa época em que a heresia de Lutero tentava fortemente penetrar nos países católicos, o Sagrado Tribunal da Inquisição vigiava sobre qualquer anormalidade.

Vendo as grandes multidões que atraía Frei José de Copertino, julgou prudente, de acordo com o Papa, retirá-lo para um convento menos conhecido, onde ele deveria viver praticamente recluso.

Foi-lhe proibido falar com qualquer pessoa além dos religiosos do convento, e mesmo de escrever cartas a quem quer que fosse.

Muitos inimigos, começaram a dizer que todas estas manifestações eram meras invenções e os acusavam de enganador, causando-lhe inúmeros transtornos.

Foi enviado ao Superior Geral dos Franciscanos em Roma e este ao dar-se conta que era tão piedoso e tão humilde, reconheceu que o Frade era um homem santo.

Foi então enviado ao Papa Urbano VII, que desejava saber se era certo ou não os comentários que se faziam a respeito dos êxtases do Frei José.

E estando a falar com o Papa, José se sentiu tão emocionado que de imediato entrou em êxtases e foi se elevando pelo ar.

VOA REZANDO

Num dia da Imaculada Conceição, ele convidou o padre guardião à repetir com ele:

Pulchra Maria! (Maria é bela!)

 
E logo que repetiu estas palavras, o santo, entrando em êxtase, passa o braço em volta da cintura do seu superior e leva-o consigo para os ares, repetindo juntos:

Pulchra Maria! Pulchra Maria!


A CURA DE UM DOENTE NUM VÔO
Outra vez, trazem-lhe um cavalheiro, em estado de demência, para que obtenha de Deus a sua cura.

O santo manda-o ajoelhar e, pondo-lhe a mão na cabeça, diz-lhe:

Sr. Baltazar, não tenha receio. Recomendo-o a Deus e à sua santíssima Mãe. . .

No mesmo instante, dá o grito que habitualmente anuncia o êxtase: Ah. Agarra o homem pelos cabelos, eleva-se com ele ao espaço, onde o conserva suspenso por algum tempo, e, quando os seus pés de novo pousaram no chão, o doente estava curado.





9 comentários:

  1. Como são maravilhosos esses relatos e como confirmam os fenômenos espíritas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certíssimo. São fenômenos estudados na Doutrina Espírita que nada tem de miraculoso. Eram seres mais evoluídos que tinham condições de produzir estes fenômenos não tendo assim nada de "milagre", perfeitamente explicável. O amigo respondeu é que desconhece o Espiritismo , só começando Kardec não pretendia que os cientistas comprovasse , a ciência trata do que é material e detalhe o próprio Kardec orientou "se a ciência um dia provar ao contrário, fique com a ciência". A "ciência" nunca comprovou negativamente nada que esteja na doutrina.

      Excluir

    2. A levitação é um fenômeno perfeitamente explicável cientificamente quando ela acontece a alguns metros de distância do chão.

      A levitação é um fenômeno miraculoso quando esse espaço de alguns metros de distância se perde e a pessoa praticamente voa e desaparece no ar como aconteceu com alguns Santos na frente de muitas testemunhas, e aqui citarei alguns:

      1 - São José de Cupertino voou, e não levitou simplesmente, na frente de várias pessoas para levar uma cruz até uma alta montanha. Some-se a esse milagre o fato de a cruz ser tão pesada que seriam necessários dez homens para carregá-la, quando ele sozinho a levou.
      2- Santa Cristina voava como um pássaro para não ser pega por ser inimigos, ela não levitava simplesmente.
      3- São Jacinto e São Raimundo de Penhaforte andaram kilômetros sobre a água à vista de seus companheiros.
      4- O Santo Padre Pio foi visto por pilotos num avião em perigo no ar para salvá-los, isso não é explicável.
      5- Santa Inês de Boêmia elevou-se aos ares na presença das outras freiras até desaparecer no céu, e só tornou a aparecer uma hora depois. Isso não é pura levitação científica. Isso é milagre!
      ¨6- Jesus se elevou aos céu na presença dos Apóstolos até sumir nas nuvens. Isso é milagre, muito diferente de uma levitaçãozinha "espírita"!

      A ciência já provou que muitas revelações de Allan Kardec sobre os planetas serem habitados, os anéis de Saturno serem discos sólidos, etc, ou as mesas girantes no início do Espiritismo, com as irmãs Fox, tudo isso foi comprovado como falso. Assim como ainda hoje vemos as farsas das cirurgias espirituais, algodões, levitações,etc.

      O que mostra que nem os espíritos que ele disse terem falado com ele sabiam de nada!

      Allan Kardec fez a afrimação "se a ciência um dia provar ao contrário, fique com a ciência" realmente, eu li seus livros, e isso só mostra quão falível é a doutrina espírita, e é, na verdade, uma afirmação pouco corajosa de quem não está disposto a assumir a responsabilidade pelo que diz.

      Algumas perguntas ficam no ar com essa afirmação de Allan kardec:
      Por que as “revelações” dos “espíritos elevados” contradizem a ciência?
      Não são eles superiores a nós?
      Como se enganaram em pontos tão básicos?
      Seria a ciência que estaria errada? Ou foi Kardec que errou?
      Seriam os espíritos superiores mentirosos e enganadores? Se eles são mentirosos e enganadores, que espíritos são esses, e de onde vêm?
      O que nós devemos jogar na lata de lixo: a doutrina do Kardec e de seus “espíritos superiores”, ou a ciência?

      Obs: a ciência não tem que provar negativamente sobre doutrina, pois doutrina é religião, mas na medida em que o Espiritismo se diz ciência e inventa de falar sobre esses assuntos, até hoje ele não conseguiu provar nada. Quem tem de provar algo cientificamente é o Espiritismo e não o contrário.

      Excluir
  2. O ANÔNIMO DEVE TER ENTENDIDO ALGO ERRADO.


    O FENÔMENO DA LEVITAÇÃO NOS SANTOS, EM TODOS OS CASOS, ERAM SINAIS DO AMOR DELES POR DEUS OU POR CRISTO E SUA MÃE.

    DE NENHUM MODO SÃO FENÔMENOS ESPÍRITAS OU SEQUER OS CONFIRMAM.

    SÃO FENÔMENOS DE DEUS PARA SEUS ESCOLHIDOS E AMADOS.

    OS MILAGRES VERDADEIROS SÓ ACONTECEM NO SEIO DA IGREJA DE CRISTO: RESSUCITAR MORTOS, DEVOLVER PARTE DE CORPO, PEDAÇO DE PERNAS, FAZER PARAPLÉGICOS ANDAR, VOAR COMO SÃO JOSÉ DE CUPERTINO,ETC.

    OS FENÔMENOS DITOS ESPÍRITAS: PSICOGRAFAR, VISÕES, APARIÇÕES DE ALMAS, INCORPORAÇÕES, CIRURGIAS ESPIRITUAIS,ETC,

    SÃO APENAS FENÔMENOS PARANORMAIS (PERTENCE AO SER HUMANO).

    OS MILAGRES DE NOSSA SENHORA EM LOURDES, DE LANCIANO, GUADALUPE, DE VOAR, DE ALGUNS SANTOS,ETC,

    SÃO SUPRANORMAIS ( FORA DA FORÇA DA MENTE HUMANA, PERTENCENTE AO DIVINO).

    ALÉM DE QUE, O ESPIRITISMO NÃO TEM NADA DE NOVO, É APENAS UMA COLEÇÃO DE CRENÇAS ANTIGAS, DAS QUAIS ALAN KARDEC FEZ UM COMPÊNDIO E QUE NUNCA FORAM PROVADAS CIENTIFICAMENTE, COMO ELE PRETENDIA.

    ResponderExcluir
  3. Estou maravilhada com tudo por aqui. Estava a pensar sobre o mundo em que vivemos. E realmente, fizestes algo também maravilhoso. Ofertar às pessoas tais fatos (muitos destes eu desconhecia) já é participar das graças e bençãos do céu. Então nem te digo "Deus te abençõe", pois Ele já o faz todos os dias, sendo tu um protegido D Ele. Mas Obrigada, com toda certeza. "Feliz aquele que não se envergonha de mim..." disse Jesus de grande misericórdia. Deus te preserve assim e parabéns pela bela resposta acima.

    ResponderExcluir
  4. eu gosto de ler estas historias eu acredito nisso

    ResponderExcluir
  5. Eu tambem acredito nos milagres Deus na vida de seus Santos.

    ResponderExcluir
  6. Qual há religião da época condenou o Cristo..??

    Ele foi acusado por que mesmo, erege.?
    . as curas que ele operava para há religião da época eram tidas como mesmo ?

    Como eram visto as curas dos apóstolos por Roma.. ?

    Qual há religião dos egípcios naquela épica mesmo ?


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suas perguntas demonstram total ignorância da doutrina cristã católica e da Bíblia.

      Excluir