quarta-feira, 20 de agosto de 2014

O SINAL DA CRUZ É BÍBLICO, HISTÓRICO E PODEROSO




A cruz é o símbolo mais precioso para o cristão, é a nossa glória:


"Mas longe esteja de mim gloriar-me, a não ser na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo."
Gálatas 6,14

A cruz é a nossa glória, pois por meio dela, fomos reconciliados com Deus e o Demônio foi derrotado, por isso esse sinal deve ser usado muitas vezes para que estejamos sempre na presença de Deus e o Demônio seja derrotado e expulso:



"15. abolindo na própria carne a lei, os preceitos e as prescrições. Desse modo, ele queria fazer em si mesmo dos dois povos uma única humanidade nova pelo restabelecimento da paz,
16. e reconciliá-los ambos com Deus, reunidos num só corpo pela virtude da cruz, aniquilando nela a inimizade."
Efésios 2,15-16



 "Espoliou os principados e potestades, e os expôs ao ridículo, triunfando deles pela cruz."
Colossenses 2,15


Quem não ama a cruz não pode ser cristão:

"E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim."
Mateus 10,38

"E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo".
Lucas 14,27

"Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus. "
1 Coríntios 1,18

"Porque muitos há, dos quais muitas vezes vos disse, e agora também digo, chorando, que são inimigos da cruz de Cristo,"
Filipenses 3,18


Com o sinal da cruz somos batizados em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, assim somos marcados na testa no nosso batismo. Esse sinal já tinha sido profetizado pelo Profeta Ezequiel. Com esse sinal somos livres do pecado, da morte e do Demônio:

"E a glória do Deus de Israel se levantou de sobre o querubim, sobre o qual estava, indo até a entrada da casa; e clamou ao homem vestido de linho, que tinha o tinteiro de escrivão à sua cintura.
E disse-lhe o Senhor: Passa pelo meio da cidade, pelo meio de Jerusalém, e marca com um sinal (DA LETRA TAU, DA CRUZ) as testas dos homens que suspiram e que gemem por causa de todas as abominações que se cometem no meio dela.
 E aos outros disse ele, ouvindo eu: Passai pela cidade após ele, e feri; não poupe o vosso olho, nem vos compadeçais.
Matai velhos, jovens, virgens, meninos e mulheres, até exterminá-los; mas a todo o homem que tiver o sinal (DO TAU, DA CRUZ) não vos chegueis; e começai pelo meu santuário. E começaram pelos homens mais velhos que estavam diante da casa."
Ezequiel 9,2-6


O TAU é a mais antiga grafia em forma de cruz. Na Bíblia é usado como ato de assinalar. Marcar com um sinal é muito familiar na Bíblia. Assinalar significa lacrar, fechar dentro de um segredo, uma ação. É confirmar um testemunho e comprometer aquele que possui o segredo. O TAU é selo de Deus; significa estar sob o domínio do Senhor, é a garantia de ser reconhecido por Ele e ter a sua proteção. É segurança e redenção, voltar-se para o Divino, sopro criador animando nossa vida como aspiração e inspiração. 







É com esse sinal que os anjos nos marcam para nos proteger, por isso devemos fazê-lo com muita devoção: 

"Dizendo: Não danifiqueis a terra, nem o mar, nem as árvores, até que hajamos selado nas suas testas os servos do nosso Deus.
E ouvi o número dos selados, e eram cento e quarenta e quatro mil selados, de todas as tribos dos filhos de Israel."
Apocalipse 7,2-4

"E foi-lhes dito que não fizessem dano à erva da terra, nem a verdura alguma, nem a árvore alguma, mas somente aos homens que não têm nas suas testas o selo de Deus."
Apocalipse 9,4

 "E olhei, e eis que estava o Cordeiro sobre o monte Sião, e com ele cento e quarenta e quatro mil, que em suas testas tinham escrito o nome de seu Pai."
Apocalipse 14,1








O texto do Apocalipse 7,2-4 nos fala do selo com o qual os servos de Deus são marcados e esse selo é o Espírito Santo que recebemos no Batismo e na Confirmação através do Sinal da Cruz, da água e do óleo consagrado:

"O qual também nos selou e deu o penhor do Espírito em nossos corações."
2 Coríntios 1,22

"Em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa;"
Efésios 1,13

"E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção." 
Efésios 4,30







Devemos usar o Sinal da Cruz muitas vezes em oração, pois assim como Moisés ao fazermos o Sinal da Cruz Deus nos concede vitória sobre as tentações, o demônio e todo mal. Podemos fazer o sinal da Cruz ou orar na forma de cruz como Moisés:

"E acontecia que, quando Moisés levantava a sua mão, Israel prevalecia; mas quando ele abaixava a sua mão, Amaleque prevalecia.
Porém as mãos de Moisés eram pesadas, por isso tomaram uma pedra, e a puseram debaixo dele, para assentar-se sobre ela; e Arão e Hur sustentaram as suas mãos, um de um lado e o outro do outro; assim ficaram as suas mãos firmes até que o sol se pôs.
E assim Josué desfez a Amaleque e a seu povo, ao fio da espada."
Êxodo 17,10-13






É o Sinal Glorioso da Cruz que aparecerá no Dia do Juízo, quando Jesus voltar à terra:

"Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória."
Mateus 24,30



Com esse sinal Santa Justina venceu as bruxarias do Feitiçeiro Cipriano.


Com o sinal da Cruz Santo António de Pádua, ainda menino, expulsou o demônio que tentava amedrontá-lo na igreja da Sé, em Lisboa, onde servia de acólito.  A cruz ficou impressa no mármore,na, como se este fora de cera.


Com o sinal da cruz, Santa Cunegundes e o Papa Gregório VII apagaram incêndios.


Sobre o poder desse sinal já dizia Hipólito de Roma no século II:

 “Durante a tentação, fazei piedosamente na fronte, o sinal da cruz, pois este é o sinal da Paixão reconhecidamente provado contra o demônio, desde que feito com fé e não para vos exibir diante dos homens, servindo eficazmente como um escudo: o Adversário, vendo quão grande é a força que sai do coração do homem que serve o Verbo (pois mostra o sinal interior do Verbo projetado no exterior), fugirá imediatamente, repelido pelo Espírito que está no homem. Era isso que o profeta Moisés representava através do cordeiro morto na Páscoa e ensinava ao aspergir o sangue nos batentes das portas: simbolizava a fé que agora se encontra em nós, ou seja, a fé no Cordeiro perfeito. Ora, persignando-nos na fronte e nos olhos com a mão, afastamos tudo aquilo que tenta nos destruir” (Mártir – nasceu na segunda metade do século II – Parte III – Outros Temas e Práticas)








Um escritor cristão da igreja primitiva, Tertuliano,  que viveu entre 160 e 220 d.C. escreveu que esse sinal já era usado pelos cristãos:

 “Quando nos pomos a caminhar, quando saímos e entramos, quando nos vestimos, quando nos lavamos, quando iniciamos as refeições, quando nos vamos deitar, quando nos sentamos, nessas ocasiões e em todas as nossas demais atividades, persignamo-nos a testa com o sinal da Cruz.”


São Gaudêncio de Bréscia disse que: "esteja a Palavra de Deus e o sinal da cruz no coração, na boca e na fronte. Em meio à comida, em meio à bebida, em meio às conversas, nas abluções, nos leitos, nas entradas, nas saídas, na alegria, na tristeza."

Ao fazer o Sinal da Cruz com cinco dedos estendidos, relembramos as cinco chagas de Cristo e o mistério das três pessoas em um só Deus, a Santíssima Trindade.

 Cristo, com a sua cruz, tira toda a condenação do homem (por isso, da esquerda para a direita).”

Antigamente, tinha-se o costume de fazer o sinal da cruz com o terço na mão direita. Ao concluir o gesto, beijava-se a cruz. No entanto, com o passar dos anos, o mesmo gesto continuou sendo feito, porém, sem o terço, ou seja, as pessoas faziam o sinal da cruz e beijavam a mão, sem o terço. 
Essa tradição atravessou as gerações e chegou até os tempos atuais. Mas,  a maneira litúrgica correta é terminar o sinal da cruz com as mãos postas, frente ao peito.




sexta-feira, 15 de agosto de 2014

VERSÍCULOS BÍBLICOS SOBRE A ASSUNÇÃO DA VIRGEM MARIA




"Apareceu em seguida um grande sinal no céu: uma Mulher revestida do sol, a lua debaixo dos seus pés e na cabeça uma coroa de doze estrelas.   Estava grávida e gritava de dores, sentindo as angústias de dar à luz. (...)
 Ela deu à luz um Filho, um menino, aquele que deve reger todas as nações pagãs com cetro de ferro.  (...)  Mas à Mulher foram dadas duas asas de grande águia, a fim de voar para o deserto, para o lugar de seu retiro, onde é alimentada por um tempo, dois tempos e a metade de um tempo, fora do alcance da cabeça da Serpente."
Apocalipse 12 1-2.5-6



"Quem é esta que sobe do deserto, e vem apoiada ao seu amado?"
Cânticos 8,4-5


"Quem é esta que sobe do deserto, como colunas de fumaça, perfumada de mirra, de incenso, e de todos os pós dos mercadores?"
Cânticos 3,5-6




Foto: “Vós, como está escrito, aparecestes ‘em beleza'; o vosso corpo virginal é totalmente santo, totalmente casto, totalmente domicílio de Deus de forma que até por este motivo foi isento de desfazer-se em pó; foi, sim, transformado, enquanto era humano, para viver a vida altíssima da incorruptibilidade; mas agora está vivo, gloriosíssimo, incólume e participante da vida perfeita”.
São Germano, patriarca de Constantinopla, (+740)





"Levanta-te, Senhor, ao teu repouso, tu e a arca da tua força."
Salmos 132,7-8

E abriu-se no céu o templo de Deus, e a arca da sua aliança foi vista no seu templo; e houve relâmpagos, e vozes, e trovões, e terremotos e grande saraiva.
 Apocalipse 11,19

 Maria quem é a Arca da Nova Aliança (Apoc 11,19), (Hb 9,4) , já que teve em seu ventre o Verbo (Jo 1, 1), a Palavra de Deus, e o Maná, o Pão vivo (Jo 6,35), Jesus, descido do céu (Jo 6,38). Ela é o Templo perfeito da Trindade (Lc1,35).




Foto: "Levanta-te, Senhor, ao teu repouso, tu e a arca da tua força."
Salmos 132,7-8






"Cristo ressuscitou dentre os mortos como primícias dos que morreram" ( I Cor 15,20)

"assim como em Adão todos morreram, assim em Cristo , todos reviverão, cada qual porém em sua ordem; como primícias Cristo e, em seguida, os que forem de Cristo, na ocasião de sua vinda "(I Cor 15,22-23).

 "Eis que vos revelo um mistério: nem todos morreremos, mas todos seremos transformados" ( I Cor 15,51).


"16 Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro.
17 Depois nós, os que estivermos vivos, seremos arrebatados com eles nas nuvens, para o encontro com o Senhor nos ares. E assim estaremos com o Senhor para sempre.
18 Consolem-se uns aos outros com essas palavras."
I Tessalonicenses 4,16-18




Foto: "...em Cristo todos reviverão. Cada qual, porém, em sua ordem: como primícias, Cristo; em seguida, os que forem de Cristo, na ocasião de sua vinda." (I Coríntios 15,22-23)






OUTROS SANTOS QUE FORAM AO CÉU DE CORPO E ALMA:




ENOQUE:


E andou Enoque com Deus; e não apareceu mais, porquanto Deus para si o tomou.
Gênesis 5,24

Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte, e não foi achado, porque Deus o trasladara; visto como antes da sua trasladação alcançou testemunho de que agradara a Deus.
Hebreus 11,5


ELIAS:


Sucedeu que, quando o SENHOR estava para elevar a Elias num redemoinho ao céu, Elias partiu de Gilgal com Eliseu.
2 Reis 2,1

E sucedeu que, indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro; e Elias subiu ao céu num redemoinho.
2 Reis 2,10-11


MOISÉS:


Mas o arcanjo Miguel, quando contendia com o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar juízo de maldição contra ele; mas disse: O Senhor te repreenda.
Judas 1,9



SÃO PAULO:


Conheço um homem em Cristo que há catorze anos (se no corpo, não sei, se fora do corpo, não sei; Deus o sabe) foi arrebatado ao terceiro céu.
E sei que o tal homem (se no corpo, se fora do corpo, não sei; Deus o sabe)
Foi arrebatado ao paraíso; e ouviu palavras inefáveis, que ao homem não é lícito falar.
De alguém assim me gloriarei eu, mas de mim mesmo não me gloriarei, senão nas minhas fraquezas.
2 Coríntios 12,1-5


ALGUNS SANTOS QUE JÁ RESSUSCITARAM, MAS NÃO PERMANECERAM ENTRE OS VIVOS:

E eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras;
E abriram-se os sepulcros, e muitos corpos de santos que dormiam foram ressuscitados;
E, saindo dos sepulcros, depois da ressurreição dele, entraram na cidade santa, e apareceram a muitos.
Mateus 27,51-53




AO SUBIR AOS CÉUS, CRISTO LEVOU CONSIGO TODAS AS ALMAS JUSTAS:

Por isso diz: Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro *,e deu dons aos homens.
Ora, isto—ele subiu—que é, senão que também antes tinha descido às partes mais baixas da terra?
Aquele que desceu é também o mesmo que subiu acima de todos os céus, para cumprir todas as coisas.
Efésios 4,8-10

* CATIVEIRO -
¶ Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito;
No qual também foi, e pregou aos espíritos em prisão;
1 Pedro 3,17-19

Porque por isto foi pregado o evangelho também aos mortos, para que, na verdade, fossem julgados segundo os homens na carne, mas vivessem segundo Deus em espírito;
1 Pedro 4,5-6


OS SANTOS JÁ ESTÃO NO CÉU:

Porque sabemos que, se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos de Deus um edifício, uma casa não feita por mãos, eterna, nos céus.
E por isso também gememos, desejando ser revestidos da nossa habitação, que é do céu;
Se, todavia, estando vestidos, não formos achados nus.
Porque também nós, os que estamos neste tabernáculo, gememos carregados; não porque queremos ser despidos, mas revestidos, para que o mortal seja absorvido pela vida.
2 Coríntios 5,1-4


Mas temos confiança e desejamos antes deixar este corpo, para habitar com o Senhor.
2 Coríntios 5,8


 Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho.
Mas, se o viver na carne me der fruto da minha obra, não sei então o que deva escolher.
Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir, e estar com Cristo, porque isto é ainda muito melhor.
Filipenses 1,20-23



Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo,
Filipenses 3,20



E eu vos digo: Granjeai amigos com as riquezas da injustiça; para que, quando estas vos faltarem, vos recebam eles nos tabernáculos eternos.
Lucas 16,8-9


E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino.
E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso.
Lucas 23,41-43


E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;
Efésios 2,6


Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus;
Efésios 2,19


Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo,
Do qual toda a família nos céus e na terra toma o nome,
Efésios 3,13-15


Mas chegastes ao monte Sião, e à cidade do Deus vivo, à Jerusalém celestial, e aos muitos milhares de anjos;
À universal assembléia e igreja dos primogênitos, que estão inscritos nos céus, e a Deus, o juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados;
E a Jesus, o Mediador de uma nova aliança, e ao sangue da aspersão, que fala melhor do que o de Abel.
Hebreus 12,21-24



 E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.
Apocalipse 6,8-9



E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me: Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro.
Por isso estão diante do trono de Deus, e o servem de dia e de noite no seu templo; e aquele que está assentado sobre o trono os cobrirá com a sua sombra.
Apocalipse 7,13-15




Foto: "Quem é esta que sobe do deserto, como colunas de fumaça, perfumada de mirra, de incenso, e de todos os pós dos mercadores?"
Cânticos 3,5-6









domingo, 10 de agosto de 2014

VERSÍCULOS BÍBLICOS SOBRE A MISSA - IGREJA CATÓLICA





"Porventura o cálice de bênção que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos, não é porventura a comunhão do corpo de Cristo?"
1 Coríntios 10,16


 "27 De modo que qualquer que comer do pão, ou beber do cálice do Senhor indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor.
28 Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma do pão e beba do cálice.
 29 Porque quem come e bebe, come e bebe para sua própria condenação, se não discernir o corpo do Senhor. "
2 Coríntios 11, 27-29







 26 Porque todas as vezes que comerdes deste pão e beberdes do cálice estareis anunciando a morte do Senhor, até que ele venha.
2 Coríntios 11, 26 

 "e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações."
 Atos 2,42


"1 Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional."
 Romanos 12, 1

onde se acham dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.  Mateus 18,20








TRANSUBSTANCIAÇÃO DO PÃO E DO VINHO NO CORPO E SANGUE DE CRISTO:

Jesus respondeu-lhes: Em verdade, em verdade vos digo: Moisés não vos deu o pão do céu, mas o meu Pai é quem vos dá o verdadeiro pão do céu;
porque o pão de Deus é o pão que desce do céu e dá vida ao mundo.
Disseram-lhe: Senhor, dá-nos sempre deste pão!
Jesus replicou: Eu sou o pão da vida: aquele que vem a mim não terá fome, e aquele que crê em mim jamais terá sede.
João 6,31-35

Em verdade, em verdade vos digo: quem crê em mim tem a vida eterna.
Eu sou o pão da vida.
Vossos pais, no deserto, comeram o maná e morreram.
Este é o pão que desceu do céu, para que não morra todo aquele que dele comer.
Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão, que eu hei de dar, é a minha carne para a salvação do mundo.
João 6,46-51


A essas palavras, os judeus começaram a discutir, dizendo: Como pode este homem dar-nos de comer a sua carne?
Então Jesus lhes disse: Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem, e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida em vós mesmos.
Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia.
Pois a minha carne é verdadeiramente uma comida e o meu sangue, verdadeiramente uma bebida.
João 6,52-55



Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele.
Assim como o Pai que me enviou vive, e eu vivo pelo Pai, assim também aquele que comer a minha carne viverá por mim.
Este é o pão que desceu do céu. Não como o maná que vossos pais comeram e morreram. Quem come deste pão viverá eternamente.
João 6,55-58


Tal foi o ensinamento de Jesus na sinagoga de Cafarnaum.
¶ Muitos dos seus discípulos, ouvindo-o, disseram: Isto é muito duro! Quem o pode admitir?
Sabendo Jesus que os discípulos murmuravam por isso, perguntou-lhes: Isso vos escandaliza?
Que será, quando virdes subir o Filho do Homem para onde ele estava antes?...
João 6,58-62


"19 E tomando pão, e havendo dado graças, partiu-o e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim.
20 Semelhantemente, depois da ceia, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto em meu sangue, que é derramado por vós."
Lucas 22, 19-20



 "23 Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou pão; 
24 e, havendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo que é por vós; fazei isto em memória de mim.
25 Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim.
1 Coríntios 11, 23-25


"Porventura o cálice de bênção que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos, não é porventura a comunhão do corpo de Cristo?"
1 Coríntios 10,16





 "27 De modo que qualquer que comer do pão, ou beber do cálice do Senhor indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor.
28 Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma do pão e beba do cálice.
 29 Porque quem come e bebe, come e bebe para sua própria condenação, se não discernir o corpo do Senhor. "
2 Coríntios 11, 27-29




A MISSA:  RENOVAÇÃO DO SACRIFÍCIO DE CRISTO:




"É nessa vontade dele que temos sido santificados pela oferta do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez para sempre." 
Hebreus 10,10

Este, porque vive para sempre, possui um sacerdócio eterno.
Hebreus 7,24

É por isso que lhe é possível levar a termo a salvação daqueles que por ele vão a Deus, porque vive sempre para interceder em seu favor. 
Hebreus 7,25


 26 Porque todas as vezes que comerdes deste pão e beberdes do cálice estareis anunciando a morte do Senhor, até que ele venha.
2 Coríntios 11, 26







"19 E tomando pão, e havendo dado graças, partiu-o e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim.
20 Semelhantemente, depois da ceia, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto em meu sangue, que é derramado por vós."
Lucas 22, 19-20



 "23 Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou pão; 
24 e, havendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo que é por vós; fazei isto em memória de mim.
25 Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim.
1 Coríntios 11, 23-25






O DOMINGO - DIA DO SENHOR RESSUSCITADO- DIA DE MISSA:

Ninguém, pois, vos critique por causa de comida ou bebida, ou espécies de festas ou de luas novas ou de sábados. Colossenses 2,16


"No primeiro dia da semana, tendo-nos reunido a fim de partir o pão, Paulo, que havia de sair no dia seguinte, falava com eles, e prolongou o seu discurso até a meia-noite."
Atos 20,7

"No primeiro dia da semana cada um de vós ponha de parte o que puder, conforme tiver prosperado, guardando-o, para que se não façam coletas quando eu chegar."
1 Coríntios 16,2

 "Ora, havendo Jesus ressurgido cedo no primeiro dia da semana, apareceu primeiramente a Maria Madalena, da qual tinha expulsado sete demônios."
Marcos 16,9

" Mas já no primeiro dia da semana, bem de madrugada, foram elas ao sepulcro, levando as especiarias que tinham preparado."
Lucas 24,1

"No primeiro dia da semana Maria Madalena foi ao sepulcro de madrugada, sendo ainda escuro, e viu que a pedra fora removida do sepulcro."
João 20,1

"Chegada, pois, a tarde, naquele dia, o primeiro da semana, e estando os discípulos reunidos com as portas cerradas por medo dos judeus, chegou Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco."
João 20,19





"Ao que ele lhes disse: Quando orardes, dizei:

 Pai, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; dá-nos cada dia o nosso pão cotidiano; e perdoa-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos a todo aquele que nos deve; e não nos deixes entrar em tentação, [mas livra-nos do mal.] "
Lucas 11,2-4


"Portanto, orai vós deste modo:

 Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dá hoje; e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também temos perdoado aos nossos devedores; e não nos deixes entrar em tentação; mas livra-nos do mal."
Mateus 6,9-13 





RITUAL DA MISSA, ORAÇÕES LITÚRGICAS, ORAÇÕES REPETIDAS E FÓRMULAS DE ORAÇÃO:


  "E foi outra vez e orou, dizendo as mesmas palavras."
Marcos 14,38-39
 Louvai ao SENHOR, porque ele é bom; porque a sua benignidade dura para sempre.
Louvai ao Deus dos deuses; porque a sua benignidade dura para sempre.
Louvai ao Senhor dos senhores; porque a sua benignidade dura para sempre.
Aquele que só faz maravilhas; porque a sua benignidade dura para sempre.
Aquele que por entendimento fez os céus; porque a sua benignidade dura para sempre.
Salmos 135 (136),1-5

  "E falou o Senhor a Moisés, dizendo:
Fala a Arão, e a seus filhos dizendo: Assim abençoareis os filhos de Israel, dizendo-lhes:
O Senhor te abençoe e te guarde;
O Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti, e tenha misericórdia de ti;
O Senhor sobre ti levante o seu rosto e te dê a paz.
Assim porão o meu nome sobre os filhos de Israel, e eu os abençoarei."
Números 6,21-27



  "E todos os filhos de Israel vendo descer o fogo, e a glória do Senhor sobre a casa, encurvaram-se com o rosto em terra sobre o pavimento, e adoraram e louvaram ao Senhor, dizendo: Porque ele é bom, porque a sua benignidade dura para sempre."
2 Crônicas 7,2-3


 "E cantavam juntos por grupo, louvando e rendendo graças ao Senhor, dizendo: porque é bom; porque a sua benignidade dura para sempre sobre Israel. E todo o povo jubilou com altas vozes, quando louvaram ao Senhor, pela fundação da casa do Senhor."
 Esdras 3,10-11

  "Serafins estavam por cima dele; cada um tinha seis asas; com duas cobriam os seus rostos, e com duas cobriam os seus pés, e com duas voavam.
E clamavam uns aos outros, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória."
(Isaías 6,1-3)


  "E os quatro animais tinham, cada um de per si, seis asas, e ao redor, e por dentro, estavam cheios de olhos; e não descansam nem de dia nem de noite, dizendo: Santo, Santo, Santo, é o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, que era, e que é, e que há de vir.
E, quando os animais davam glória, e honra, e ações de graças ao que estava assentado sobre o trono, ao que vive para todo o sempre,
Os vinte e quatro anciãos prostravam-se diante do que estava assentado sobre o trono, e adoravam o que vive para todo o sempre; e lançavam as suas coroas diante do trono, dizendo:
Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas."
Apocalipse 4,7-11

"E cantavam o cântico de Moisés, servo de Deus, e o cântico do Cordeiro, dizendo: Grandes e maravilhosas são as tuas obras, Senhor Deus Todo-Poderoso! Justos e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos santos."
Apocalipse 15,1-3


  "Então fiz subir os príncipes de Judá sobre o muro, e ordenei dois grandes coros em procissão, um à mão direita sobre o muro do lado da porta do monturo."
Neemias 12,30-31




 " E pôs os levitas na casa do Senhor com címbalos, com saltérios, e com harpas, conforme ao mandado de Davi e de Gade, o vidente do rei, e do profeta Natã; porque este mandado veio do Senhor, por mão de seus profetas.
Estavam, pois, os levitas em pé com os instrumentos de Davi, e os sacerdotes com as trombetas.
E Ezequias deu ordem que oferecessem o holocausto sobre o altar; e ao tempo em que começou o holocausto, começou também o canto do Senhor, com as trombetas e com os instrumentos de Davi, rei de Israel.
E toda a congregação se prostrou, quando entoavam o canto, e as trombetas eram tocadas; tudo isto até o holocausto se acabar.
2 Crônicas 29,24-28




 “Se algum de vós tiver um amigo, e for ter com ele à meia-noite, e lhe disser: Amigo, empresta-me três pães, porque um meu amigo acaba de chegar a minha casa de viagem, e não tenho nada que lhe dar; e ele, respondendo lá de dentro, disser: Não me sejas importuno, a porta já está fechada, e os meus filhos estão deitados comigo; não me posso levantar para te dar coisa alguma. E, se o outro perseverar em bater, digo-vos que, ainda que ele se não levantasse a dar-lhos por ser seu amigo, certamente pela sua importunação se levantará, e lhe dará quantos pães precisar”.
 Lucas 11, 5-8


A MISSA PASSO A PASSO

1- ACOLHIDA - SAUDAÇÃO INICIAL DA MISSA:

" Graça seja convosco, e paz, da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo."
( 1 Cor 1,3)

 "2 Graça a vós, e paz da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo.
 3 Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e Deus de toda a consolação,"
(2 Cor 1,3)

 "O Deus da esperança vos cumula de todo gozo e paz em vossa fé, até transbordar de esperança pela força do Espírito Santo" ( Rm 15, 13).

2- ATO PENITENCIAL:

" 30 e eis que dois cegos, sentados junto do caminho, ouvindo que Jesus passava, clamaram, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de nós.
 31 E a multidão os repreendeu, para que se calassem; eles, porém, clamaram ainda mais alto, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de nós."
(Mt 20,31)

E eis que uma mulher cananéia, provinda daquelas cercania, clamava, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim, que minha filha está horrivelmente endemoninhada.
(Mt15,22)

3- O GLÓRIA:

 "Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra aos homens de boa vontade."
(Lc 2,14)
  Nesse hino exaltamos Cristo por aquilo mesmo que Ele é:

Senhor (Fl 2,11), Cordeiro ( Jo 1,36), Filho de Deus Pai ( Mc 1,11).


4- A LITURGIA DA PALAVRA:


Esta é a palavra que o Senhor ordenou ... " (Ex 35:4)

 "Então disse Isaías a Ezequias: Ouve a palavra do Senhor:"
(2 R 20,16)
" E à casa do rei de Judá dirás: Ouvi a palavra do Senhor:"
(Jer 21,11)


E ensinava nas suas sinagogas, e por todos era louvado.
E, chegando a Nazaré, onde fora criado, entrou num dia de sábado, segundo o seu costume, na sinagoga, e levantou-se para ler.
E foi-lhe dado o livro do profeta Isaías; e, quando abriu o livro, achou o lugar em que estava escrito:O Espírito do Senhor é sobre mim, Pois que me ungiu para evangelizar os pobres. Enviou-me a curar os quebrantados de coração,
A pregar liberdade aos cativos, E restauração da vista aos cegos, A pôr em liberdade os oprimidos, A anunciar o ano aceitável do Senhor.
E, cerrando o livro, e tornando-o a dar ao ministro, assentou-se; e os olhos de todos na sinagoga estavam fitos nele.
Então começou a dizer-lhes: Hoje se cumpriu esta Escritura em vossos ouvidos.
Lucas 4,14-21


"Por isso nós também, sem cessar, damos graças a Deus, porquanto vós, havendo recebido a palavra de Deus que de nós ouvistes, a recebestes, não como palavra de homens, mas (segundo ela é na verdade) como palavra de Deus, a qual também opera em vós que credes."
(1 Tes 2,13)

 "Apresentemo-nos diante dele com ações de graças, e celebremo-lo com salmos de louvor."
(Sl 95:,2)

"falando entre vós em salmos, hinos, e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração"
(Ef 5,19)

"Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado."
(Jo 15,3)


5- ORAÇÃO DA ASSEMBLEIA:


 "Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens,"
(1 Tm 2,1)


"Finalmente, irmãos, orai por nós, para que a palavra do Senhor se propague e seja glorificada. como também o é entre vós,"
(2 Tes 3,1)


6- OFERTÓRIO:

 "14 e oferecerá a sua oferta ao Senhor: um cordeiro de um ano, sem defeito, como holocausto, e uma cordeira de um ano, sem defeito, como oferta pelo pecado, e um carneiro sem defeito como oferta pacífica;
15 e um cesto de pães ázimos, bolos de flor de farinha amassados com azeite como também as respectivas ofertas de cereais e de libação.
 16 E o sacerdote os apresentará perante o Senhor, e oferecerá a oferta pelo pecado, e o holocausto;
 17 também oferecerá o carneiro em sacrifício de oferta pacífica ao Senhor, com o cesto de pães ázimos e as respectivas ofertas de cereais e de libação. "
(Num 6,14-17)


"E bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus inimigos nas tuas mãos! E Abrão deu-lhe o dízimo de tudo."
(Gn 14,20)



"Certamente darás os dízimos de todo o produto da tua semente que cada ano se recolher do campo."
(Dt 14,22)



"Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome; trazei oferendas, e entrai nos seus átrios. "
(Sl 96,8)


 "No primeiro dia da semana cada um de vós ponha de parte o que puder, conforme tiver prosperado, guardando-o, para que se não façam coletas quando eu chegar."
(1 Coríntios 16,2)


7- SANTO:


 "Os quatro seres viventes tinham, cada um, seis asas, e ao redor e por dentro estavam cheios de olhos; e não têm descanso nem de noite, dizendo: Santo, Santo, Santo é o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, aquele que era, e que é, e que há de vir."
 (Apo 4,8)



"1 No ano em que morreu o rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as orlas do seu manto enchiam o templo.
2 Ao seu redor havia serafins; cada um tinha seis asas; com duas cobria o rosto, e com duas cobria os pés e com duas voava.
3 E clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, santo, santo é o Senhor dos exércitos; a terra toda está cheia da sua glória."
Isaías 6, 1-3




8- CONSAGRAÇÃO:




"19 E tomando pão, e havendo dado graças, partiu-o e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim.
20 Semelhantemente, depois da ceia, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto em meu sangue, que é derramado por vós."
(Lc 22, 19-20)



 "23 Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou pão;
24 e, havendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo que é por vós; fazei isto em memória de mim.
25 Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim.
(1 Cor 11, 23-25)




9- ANUNCIAMOS SENHOR A VOSSA MORTE OU TODAS VEZ QUE SE COME... :

 26 Porque todas as vezes que comerdes deste pão e beberdes do cálice estareis anunciando a morte do Senhor, até que ele venha.
(2 Cor 11, 26)






10- O PAI NOSSO:


"Portanto, orai vós deste modo:
 Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dá hoje; e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também temos perdoado aos nossos devedores; e não nos deixes entrar em tentação; mas livra-nos do mal."
(Mt 6,9-13)



"Ao que ele lhes disse: Quando orardes, dizei:
 Pai, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; dá-nos cada dia o nosso pão cotidiano; e perdoa-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos a todo aquele que nos deve; e não nos deixes entrar em tentação, [mas livra-nos do mal.] "
(Lc11,2-4)


11- O CORDEIRO DE DEUS:


"Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo." (Jo1,29)

" No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo."(Jo 1,29)




12 - SENHOR ,EU NÃO SOU DIGNO QUE ENTREIS...

" O centurião, porém, replicou-lhe: Senhor, não sou digno de que entres debaixo do meu telhado; mas somente dize uma palavra, e o meu criado há de sarar."
(Mt 8,8)


13- A COMUNHÃO:

"Porventura o cálice de bênção que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos, não é porventura a comunhão do corpo de Cristo?"
(1 Cor 10,16)

 "e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações."
 (At 2,42)


"É nessa vontade dele que temos sido santificados pela oferta do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez para sempre." 
(Hb 10,10)

 "27 De modo que qualquer que comer do pão, ou beber do cálice do Senhor indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor.
28 Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma do pão e beba do cálice.
 29 Porque quem come e bebe, come e bebe para sua própria condenação, se não discernir o corpo do Senhor. "
(2 Cor 11, 27-29)



14- BENÇÃO FINAL:

" O Senhor te abençoe e te guarde;
25 o Senhor faça resplandecer o seu rosto sobre ti, e tenha misericórdia de ti;
26 o Senhor levante sobre ti o seu rosto, e te dê a paz.
27 Assim porão o meu nome sobre os filhos de Israel, e eu os abençoarei. "
(Num 6, 24-27)


15 - IDE EM PAZ:

"Ao que lhes disse o sacerdote: Ide em paz; perante o Senhor está o caminho que seguis."
(Jz 18,6)








sexta-feira, 8 de agosto de 2014

NOVENA DA ASSUNÇÃO DE MARIA



Antífonas:

Ant. Cristo subiu aos céus
e preparou, no Reino eterno,
um lugar para sua Mãe, a santa Virgem, aleluia.
(Reza-se 1 Ave Maria)

Ant. Como é bela e formosa a Virgem Maria,
Que passou deste mundo ao Cristo Senhor.
Em meio ao coro dos santos refulge,
Como o sol entre as estrelas. Aleluia
(Reza-se 1 Ave Maria)

Ant. A Virgem Maria subiu para os céus.
E triunfa com Cristo sem fim, pelos séculos.
Resplendente de beleza, fulgurante como a aurora,
Ó filha de Sião, vós subistes para os céus. Aleluia.
(Reza-se 1 Ave Maria)




Responsório breve
R. Maria foi assunta ao céu,
*os anjos se alegram, louvando.    R. Maria.
V. Bendizem o Senhor, jubilosos.   * Os anjos.
Glória ao Pai.   R. Maria.

Rogai por nós, Bem-aventurada e sempre Virgem Maria,
Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos:
Ó Deus eterno e todo-poderoso, que elevastes à glória do céu em corpo e alma a imaculada Virgem Maria, Mãe do vosso Filho, dai-nos viver atento às coisas do alto a fim de participarmos da sua glória Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.
Amém


















quinta-feira, 7 de agosto de 2014

O TEMPLO DE SALOMÃO NÃO FOI CONSTRUÍDO PELA UNIVERSAL: É MARIA SANTÍSSIMA, MÃE DE JESUS





Maria foi e é o verdadeiro Templo de Deus na terra, pois ela foi ecolhida por Deus antes de todos os séculos ( Gên 3,14-15; Is 7,14; Miq 5,2; Zac 2,14) para a missão de ser a Mãe do Verbo Divino (Jo 1,1), nosso Salvador e Deus Altíssimo.

A Bíblia diz que "Aquele  que os céus, e o céu dos céus, não podem conter" (2 Crônicas 6,18)  habitou no seio de Maria, fez dela a sua morada (Jo 1,14). "O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, que não habita em templos feitos por mãos de homens" (Atos 17,23-24) fez de Maria sua habitação corporal durante 9 meses (Jo 1,1.14; 14,23). Só Ela foi achada digna aos olhos Dele. 

Maria é e foi o verdadeiro Templo de Deus, pois ela é da descendência de Davi (e de Salomão) ( Mateus 1,6.16; Lucas 1,27. 32), assim ela é o Templo feito por Salomão e Davi, a sua descendência (II Samuel 7,12-16).

Templo nenhum na terra se compara ao Templo que foi e é Maria (2 Crônicas 6,18; Atos 17,23-24 )  , a Plena de Graça (Lucas 1,28; Apocalipse 12,1-2.5):  ela que recebeu o Espírito Santo (Lucas 1,35); que foi coberta pela virtude do Altíssimo (Lucas1,35), como a nuvem que encheu o Templo (2 Crônicas 5,13-14); que fez nascer para o mundo o Salvador, o Sol da Justiça (Malaquias 4,2). 

Deus habitou entre os homens através de Maria (Jo 1,14; Apocalipse 21,3).

 Ela foi o Tabernáculo, a Morada e o Templo do Altíssimo (Apocalipse 21,3).

Porque os católicos veneram Maria? Porque adoram Jesus como Deus, e reconhecem a grandiosidade do fato:  Deus  se fez carne no seio dela, Ele que é o Santo dos santos, o Altíssimo, o Senhor, o Onipotente.








Maria foi e é o Templo mais perfeito da Santíssima Trindade (Lucas 1,35; Jo 14,23), pois teve o Senhor em seu seio corporalemente.

Maria foi Arca e Templo ao mesmo tempo, pois como Arca (Hebreus 9,4)  carregou a Palavra de Deus encarnada (Jo 1,1), o Verbo Eterno, Jesus, o Maná (Jo 6,49-51), o Pão descido do céu, a vara de Aarão, o Messias, o Escolhido.

Mas Maria foi e é  Templo pleno de Deus (Lucas 1,35; Jo 14,23), pois foi fiel cumpridora da Palavra do Senhor, como nos disse seu Filho (Lucas 11,27-28), nunca duvidou de Deus (Lucas 1,20.38.45) e esteve com Jesus antes (Lucas 1,35), durante e depois de seu nascimento (Lucas 2,7.51), durante sua vida e até sua morte (Jo 2;19,25).

 Maria nunca o abandonou , foi a mais fiel (Jo 19,25), verdadeira e primeria discípula do Mestre (Lucas 1,38), estando com ele na cruz (Jo 19,25) e na vinda do Espírito Santo (Atos 1,14;2,1).

O Templo de Salomão é Maria (II Samuel 7,12-16; ( Mateus 1,6.16; Lucas 1,27. 32; Lucas 1,35; Jo 14,23) e não há ouro, dinheiro,  ou obra grandiosa neste mundo que se compare a ela, aquela que é "Bendita entre as mulheres" (Lucas 1,28), a quem "todas as gerações devem proclamar de Bem-aventurada" (Lucas 1,48), "vestida de sol e coroada de doze estrelas" (Apocalipse 12, 1-2.5).

 A riqueza e o poder do Templo que é Maria são suas virtudes: a pureza (Lucas 1,26-27)  a humildade (Lucas 1,38.48), o silêncio, a meditação, a oração (Lucas 2,19.51), a intercessão (João 2), a coragem, a fé, a força (João 19,25), a persevrança e fidelidade (Atos 1,14;2,1), etc, todas as virtudes com as quais ela foi plenificada pelo Espírito Santo (Lucas 1,35.41).

Maria, a pequena serva do Senhor (Lucas 1,38),  é o maior Templo de Deus na terra (Apocalipse 21,3).

Maria, a mais humilde (Lucas 1,48) , a mais pobre, aquela não tinha onde dar à luz (Lucas 2,7), que pouco tinha a oferecer (Lucas 2,24) é a obra mais valiosa, o Templo maior que todos os templos que não foi feito por mãos humanas (2 Crônicas 6,18). 

Maria não recebeu promessas de prosperidade, de honras, poder, recebeu apenas a profecia de que uma espada transpassaria seu coração ( Lucas 2,35).

Seu futuro era a cruz,  e ela não teve medo e ficou de pé (João 19,25), exemplo para tantos que se dizem cristãos e só querem e profetizam prosperidades e negam o valor da cruz, e da pobreza,  lobos em pele de cordeiros.

Todos somos templos de Deus na terra (1 Coríntios 6,19), mas igual a Maria ninguém jamais será, pois só houve e só haverá uma Mulher (Lucas 1,42.45.48), um único ser humano, que deu à luz um Deus (João 1,1.14), que deu sua própria carne e sangue para que esse Deus viesse ao mundo (João 1,14).

Todos somos templos de Deus (1 Coríntios 6,19), mas igual a Grandiosidade de Graça que Maria recebeu, ninguém jamais recebrá, pois só ela recebeu o próprio Senhor e foi achada digna de conter  em seu seio, aquele que os céus não podem conter (2 Crônicas 6,18).

Aquele que é maior que qualquer templo na terra (Mateus 12,6), escolheu Maria para sua Morada, fazendo dela o Templo por excelência.

Como é sentir Deus com seu coração pulsando carnalmente dentro de si, chutar seu ventre, beber seu leite, educá-lo, amá-lo na forma de uma criancinha...? Como é ser Mãe de um Deus? Como é adorar o fruto de seu ventre? O que ela sentiu, viu, presenciou? Só Maria foi digna de viver esse mistério... só ela foi digna de ser seu Templo mais precioso na terra!

O Templo de Jerusalém foi destruído, como profetizou Jesus (Mateus 24,1-2), pois Ele cumpriu com a função do templo de expiar e nos purificar dos pecados.

Só um templo permanece:   nós (1 Coríntios 6,19) e todos os batizados que juntos com Maria e todos os santos, formamos um só Corpo de Cristo, que é a Igreja, o Templo de Deus (1 Coríntios 12,12; Efésios  3,15; 4,4; Romanos 12,5).

Maria é para nós o exemplo (Hebreus 13,7; Filipenses 3,17) do Templo mais perfeito querido por Deus, pois foi sua Morada em corpo e espírito (Jo 1,1.14; 14,23).

Maria é e sempre será o verdadeiro Templo erguido por Davi e Salomão para o Senhor (II Samuel 7,12-16; Mateus 1,6.16; Lucas 1,27. 32) e nenhuma construção humana a ela se igualará (2 Crônicas 6,18; Apocalipse 21,3). 



Maria, Templo da Santíssima Trindade, orai por nós!





"E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol,
 tendo a lua debaixo dos seus pés,
 e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça.
E estava grávida, e com dores de parto, e gritava com ânsias de dar à luz.
E deu à luz um filho homem que há de reger todas as nações com vara de ferro; 
e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono."
Apocalipse 12,1-2.5












segunda-feira, 4 de agosto de 2014

SANTA SARA KALI - SANTA DA IGREJA CATÓLICA E CIGANA - FESTEJADA 24 DE MAIO




 Santa Sara foi uma cristã católica serva do Senhor Jesus que é considerada a padroeira dos ciganos (os roma). Apesar de sua história estar envolvida em lendas, ela pode e deve ser vista como modelo de fé e devoção (Hebreus 13,7; Filipenses 3,17).

E nós, católicos, devemos lutar para que a imagem de Santa Sara seja livre de toda conotação mágica, feitiçarias,etc.

Podemos e devemos invocar sua intercessão, apesar de não ser uma Santa oficialmente canonizada pela Igreja, seu culto local sempre foi permitido.

Devemos cultuar Santa Sara na fé cristã católica que foi pregada por essa Virgem entre os ciganos, fazendo sua memória (Mateus 26,12-13), pedindo sua intercessão (Tiago 5,15-18; Hebreus 13,17-18; Apocalipse 5,8), invocando seu nome em orações (Êxodo 32,13; Deuteronômio 9,27;II Reis 2,14; Neemias 1,8) ,homenageando-a e louvando a Deus por sua intercessão em procissões, através do uso de símbolos, imagens (Números 21,7-9; I Reis 6,23-35; 7,29;8,6-7; Ezequiel 41,1.17-26) , velas, flores, mantos, conforme sua tradição (Êxodo 30,29;  36,34-35;39,30;  Deuteronômio 6,5-9; Josué 24,27).

Rezo para que os padres não esqueçam de trabalhar junto com o povo cigano e levar a devoção a Santa Sara que convida esse povo ao Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Santa Sara deve ser vista como um meio encontrado por Deus para fazer o Evangelho de Cristo chegar até o povo cigano.

Povo que sempre sofreu preconceitos, mas que conforme as diversas lendas, acolheu Santa Sara e foi por ela acolhido e por isso recebem tantas graças de sua valiosa intercessão.

Na Igreja Católica, temos dois Santos Ciganos, uma é Santa Sara e o outro é São Zeferino (ou Ceferino) Giménez Malla.

Existem várias versões sobre a vida de Santa Sara:

1- que ela era a serva de uma das três mulheres de nome Maria que estavam presentes à crucificação de Jesus ;
2- outra que ela seria serva e parteira auxiliar de Maria, e que Jesus, por esta tê-lo trazido ao mundo, teria uma alta estima por ela;
3 - seria serva de Maria Madalena; 
4- seria serva de José de Arimatéia;
5 - e tantas outras que veremos mais adiante.



SERVA DE JOSÉ DE ARIMATÉIA: 

Contam as Lendas que Sara era uma escrava egípcia que pertencia a José de Arimatéia, este a emprestou  para as Marias (Maria Jacobé (de Cléofas), Maria Salomé, Maria Madalena) para ajudá-las nos afazeres da casa, até porque as Marias cuidavam de Jesus e os Apóstolos equanto mais ajuda melhor.

Sara passa então a vivercom as Marias e com Jesus ouvindo os seus ensinamentos, as suas pregações quelhe despertaram a fé, esta convivência continuou até a crucificação de Jesus, e Sara permaneceu na casa com as Marias. 


LENDA DO CIGANO JACÓ:

De acordo com outra lenda, porque os cravos da crucificação de Jesus foram impostos pelos romanos para um ferreiro cigano fazer, porque os outros ferreiros se recusaram.

 O Cigano Jacó os fez porque toda a sua família foi ameaçada, e ele ainda teve que participar da crucificação,conta a Lenda que o Cigano Jacó, chorando muito pediu perdão a Jesus, e disse ao Mestre:

- Meu Povo não vê maculas em ti.

Jesus com toda a sua misericórdia lhe responde.
- Confie naquela que sairá das águas, está ajudará muito o seu Povo.

 Jacó contou aos outros Ciganos sobre as palavras de Jesus, e estes em suas andanças foram passando a mensagem adiante.









  "Pela fé Abel ofereceu a Deus maior sacrifício do que Caim, 
pelo qual alcançou testemunho de que era justo,
 dando Deus testemunho dos seus dons, e por ela,
depois de morto, ainda fala."
Hebreus 11,3-4







A LENDA DO VÉU E DO MILAGRE DA BARCA:

Passados alguns tempos, José de Arimatéia é acusado de se tornar um cristão e ter ajudado a roubar o corpo do Mestre, até porque foi no túmulo da sua família que foi colocado o corpo de Cristo, mas por ele ser rico e ter contribuído com a sua influência a favores aos romanos ele não foi condenado à crucificação, mas foi punido com aexpulsão, e esta punição foi da seguinte forma:

José de Arimatéia, seu escravo Trofino, as Marias e Sara, todos foram colocados em uma barca sem remos e sem alimentos, para sofrerem e morrerem em alto mar, e assim foi feito.

A Lenda conta que durante os sofrimentos que todos passaram, estando em Alto Mar, sem nenhuma provisão, todos entraram em desespero, mas Sara foi a que manteve a sua Fé e em meio a todo este tormento ela se ajoelhou na Barca e começou a pedir ao Mestre que se fosse do merecimento de todos, que a Barca aportasse em segurança e que todos tivessem o livramento da morte, e se ela Sara recebesse esta graça, ela seria escrava de Jesus, levaria a palavra do Mestre aonde ela não tenha sido ouvida, e que também usaria um lenço na cabeça para o resto da sua vida, em reverencia e agradecimento pela graça alcançada.

Milagrosamente a Barca aportou em segurança no Porto de Petit Roné, no sul da França, hoje conhecidacomo Saint Marie de La Mer Santas Marias do Mar, onde todos foram acolhidos e recebidos pelos pescadores que viram esta Barca aportar. 









SANTA SARA ENTRE OS CIGANOS:

Somente Sara não foi acolhida pela cor da sua pele, esta ficou na praia, mas ela não ficou só por muito tempo, haviam Ciganos acampados perto e viram todo o ocorrido, e viram que aquela jovem de pele escura precisava de ajuda, e lembraram que outros Ciganos vindos da Pérsia traziam a mensagem do Cigano Nazaré, Jacó.

Estes Ciganos rapidamentea acolheram e Sara passou a com eles conviver, e deste então, começa também a contar sobre o Mestre Jesus e suas palavras e pregações.

Sara passou estes ensinamentos com tanto amor, que até hoje para os Ciganos, Jesus é o maior dos Ciganos, porque assim como eles, não tinha moradia fixa, sofria discriminações,mas sempre estava alegre e aceitava as provações postas em sua vida.

Sara não se casou, não teve filhos, viveu para falar sobre os ensinamentos do Mestre e também paraajudar os Ciganos nas suas fugas, porque naqueles tempos sofriam muitasperseguições e Sara com sua fé pedia o livramento ao Mestre Jesus e eraatendida. Sempre mostrava um caminho a seguir para sair daquela situação.

Sara morreu velhinha entre os Ciganos, e estes a enterraram em uma Gruta, em Saint Marie de La Mer, paraque todos os Ciganos que passassem por ali, pudessem se lembrar desta jovem quecom a sua fé e amor ao Cristo os livrou de muitos sofrimentos.








"1 Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta,"
Hebreus 12,1






OUTRA VERSÃO:


Segundo alguns historiadores, por volta dos anos 50 d.c, uma embarcação teria cruzado os mares a partir de terras Palestinas levando a bordo para fugir das perseguições judáicas os primeiros cristãos...  

Os primeiros cristãos seria um grupo de personagens bíblicos: Maria Jacobina ou Jacobé, irmã de Maria, mãe de Jesus, Maria Salomé, mãe dos apóstolos Tiago e João, Maria Madalena, Marta, Lázaro, Maximiliano e Sara, uma negra serva das mulheres santas e aportado em uma pequena ilha situada em águas do Mediterrâneo. 

Milagrosamente, a barca sem rumo e à mercê de todas as intempéries, atravessou o oceano e aportou com todos salvos em Petit-Rhône, hoje a tão querida Saintes-Maries-de-La-Mer. Sara cumpriu a promessa até o final dos seus dias. Sara teria sido uma das primeiras convertidas ao cristianismo e morrido a serviço de suas companheiras de viagem.








ALGUMAS IMAGENS DE SANTA SARA:









"E no oráculo fez dois querubins de madeira de oliveira,
 cada um da altura de dez côvados."
1 Reis 6,23





PORQUE ALGUMAS IMAGENS TÊM COROA? E PORQUE EVITAR O USO DE COROA NA IMAGEM DE SANTA SARA?

Talvez, deva-se ao fato do povo cigano a considerar como sua rainha, mas o uso de coroas deve ser evitado para não confundir a pessoa de Santa Sara com a de Nossa Senhora. Como vemos na foto abaixo, a coroa de 12 estrelas é um atributo a Maria, como nos diz o livro do Apocalipse 12,1ss.











O ideal é que as imagens de Santa Sara não possuam coroam, a não ser um diadema, ou flores.

"Desde o chão até acima da entrada estavam feitos os querubins e as palmeiras,
 como também pela parede do templo."
Ezequiel 41,19-20







OUTRA VERSÃO:

Uma outra versão contada é que Sara era uma escrava egípcia de uma das três Marias, Madalena, Jacobé ou Salomé; e junto com José de Arimatéia, Trófimo e Lázaro foi colocada, pelos judeus, em uma barca sem remos e alimentos.




Santas Maria Salomé e Maria Jacobina (ou de Cléofas)






Desesperadas, as três Marias puseram-se a orar e a chorar. Aí então Sara retira o diklô (lenço) da cabeça, chama por Kristesko (Jesus Cristo) e promete que se todos se salvassem ela seria escrava de Jesus, e jamais andaria com a cabeça descoberta em sinal de respeito (acredita-se que deste gesto de Sara Kali tenha nascido a tradição de toda mulher cigana casada usar um lenço que é a peça mais importante do seu vestuário: a prova disto é que quando se quer oferecer o mais belo presente a uma cigana se diz: Dalto chucar diklô (Te darei um bonito lenço)). 

Talvez por um milagre, ou por obra do destino, eles chegaram a salvo a uma praia próxima a Saintes Maries de La Mer. Depois de muitos dias, o barco foi resgatado por moradores de uma vila próxima aos arredores da costa marítima. 

Todos, por serem brancos, foram acolhidos, exceto Sara, por ser escrava (egípcia) e negra. Um grupo de ciganos a fez, pois estavam nas proximidades e presenciaram o fato.

Sendo assim, passaram a cuidar de Sara, que, com sua morte, posteriormente, os mesmos passaram a recorrer com pedidos à mesma, por ter sido uma pessoa querida em vida, e esta, os atendeu em espírito, realizando milagres.

 A partir disso, Sara se tornou Mãe e Rainha dos Ciganos, honrando-os e protegendo-os. 

O surgimento de sua capela - foi criada após a sua morte. Quando veio à falecer, os Ciganos foram até a igreja da vila pedindo que seu funeral se realizasse na mesma.

 Devido ao preconceito, os católicos da época recusaram. A partir de então, foi feito uma espécie de gruta/igreja para Sara, visitada até os dias de hoje. Quando em 1935 a Igreja tirou Sarah de sua Cripta, muitos ciganos se aplicaram à prova do punhal (punhal avermelhado no fogo sobre a veia do pulso). 







Cripta de Santa Sara na Igreja das Santa Marias do Mar, na França.







Diz-se que o Sol queimou o olhar de Sarah. Quando o número de ciganos aumentou, a Cripta não deu para todos, e foi feito um acordo entre um gadjo chamado "Marquês de Baroncelli" e um cigano chamado "Cocou Baptista", um chefe cigano muito influente. Até um certo tempo o acordo foi cumprido, mas os seus sucessores não levaram o trato a diante. Este chefe cigano foi usado, simplesmente um instrumento do gadjo, ele foi renegado e expulso pelo povo cigano. 

Os ciganos de origem Calon, com o passar dos anos, alteraram algumas palavras da língua regional do povo cigano. Devido a estas alterações, houve algumas modificações idiomáticas no significado das palavras. Entre elas, podemos citar a palavra Kalin, que em Calon representa a palavra "cigana". Já para os ciganos que ainda preservam a língua regional, Kali representa negra. Há algum tempo, existe esta confusão idiomática, envolvendo a cor da pele da Santa. 

Para os Calons, seria Santa Sara Kalín (a cigana) e não Santa Sara - a negra. Paralelamente, a história de Sarah chegou à Índia, onde os ciganos a associaram à deusa Kali, negra, poderosa, transformadora.









  "E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram.
E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?"
Apocalipse 6,8-10





OUTRA VERSÃO:

Outra versão conta que Sara era moradora de Camargue e teve piedade das Marias, resolvendo ajudá-las. Também dizem que ela era uma rainha das terras de Camargue ou uma sacerdotisa do antigo culto celta ao deus Mitra. Uma das explicações para estas histórias é que em Camargue existiram várias colônias de antigas civilizações, como a egípcia, a cretense, a fenícia e a grega. 

Por isso, muitos poetas e menestréis contaram a história de Sara, de acordo com o que ouviram de seu povo, e assim, o mito em torno dessa poderosa santa foi difundido pelo mundo e ela continua, até hoje, a ser venerada entre as comunidades ciganas. 

Nos dias atuais, a santa padroeira dos ciganos é comemorada com muitos rituais e tradições por mais de 15 milhões de ciganos espalhados em diferentes pontos da Europa, Ásia, África, Austrália e Nova Zelândia. 

Para preservar a história original de Santa Sara Kali, é necessário lembrar que a igreja católica canonizou-a como SANTA e, que é dessa forma que o povo cigano a cultua (e não em rituais).

Aqui no Brasil, Santa Sara divide a preferência dos ciganos brasileiros com Nossa Senhora Aparecida e São Jorge Guerreiro. 

Os ciganos brasileiros veneram Nossa Senhora de Aparecida, talvez por causa de sua cor, e muitos a equiparam à Santa Sara Kali. 







OUTRAS VERSÕES SOBRE O MILAGRE DE SANTA SARA

Algumas versões afirmam que o barco com os discípulos do Senhor e as três Marias já estava distante da praia quando Sara caminhou sobre as águas.
Outra versão diz que o mar estava bravio e Santa Sara invocou Jesus Cristo e colocou seu véu sobre a água acalmando-o, e assim, rapidamente chegarm em terras francesas.



















"Porque sei que disto me resultará salvação, 
pela vossa oração e pelo socorro do Espírito de Jesus Cristo,"
Filipenses 1,15-19



A INTERCESSÃO DE SANTA SARA KALI:

Após a morte de Sara, as ciganas assim como haviam aprendido com ela, começaram a fazer pedidos, só que eram feitos agora para Sara. Pedidos para engravidar, sair de situações difíceis,enfim todos os tipos de pedidos, e estes começaram a se realizar,principalmente a gravidez, porque para uma Cigana não ser Mãe é uma verdadeira maldição, e em troca de um pedido realizado as ciganas ofereciam a Sara umlindo Dicló (Lenço) e prometiam levar este lenço até a sua Gruta emagradecimento.

Assim nasce a peregrinaçãoa Gruta de Sara, em Saint Marie de La Mer, Santa Sara é homenageada todo o dia 24 e 25/05 com uma grande procissão dos Ciganos até a sua Gruta para levar os seus Diclós, agradecer a graça recebida,sendo que esta peregrinação acontece até os dias de hoje.












Significado do nome Sara:


O seu nome, tal como o de Sara no Antigo Testamento, pode ser um nome hebraico que indica uma mulher de alta sociedade, que algumas vezes é traduzido como “princesa” e outras “senhora”. Já o epíteto Kali deve significar "negra", da língua indiana sânscrito, por sua tez ser escura. Seu culto se liga ao das Virgens Negras.





















O Centro de seu culto:

 Seu centro de culto é a cidade de Saintes-Maries-de-la-Mer, na França, onde ela teria chegado junto com Maria Jacobina, irmã de Maria, mãe de Jesus, Maria Salomé, mãe dos apóstolos Tiago e João, Maria Madalena, Marta, Lázaro e Maxíminio.

Eles teriam sido jogados no mar em um barco sem remos nem provisões, e Sara teria rezado e prometido que se chegassem a salvo em algum lugar ela passaria o resto de seus dias com a cabeça coberta por um lenço. Eles depois disso chegaram a Saintes-Maries, onde algumas lendas dizem, foram amparadas por um grupo de ciganos.

A imagem de Santa Sara fica na cripta da igreja de Saint Michel, onde estariam depositados seus ossos.
A única coisa certa a cerca do culto de Santa Sara é que se é uma santa local, não há comprovações de sua canonização, mas seu culto é permitido pela Igreja.

Sua festa é celebrada nos dias 24 e 25 de maio, reunindo ciganos de todo o mundo.











Sua imagem é coberta de lenços, sendo ela uma protetora da maternidade. Mulheres (romi) que não conseguem engravidar e mulheres que pedem por um bom parto, ao terem seus pedidos atendidos, depositam aos seus pés um lenço (diklô). Centenas de lenços se acumulam aos seus pés.

As pessoas fazem todo tipo de pedido para Santa Sara, por sua fama de atender todos os que depositam verdadeira fé nela. Santa Sara é a santa dos desesperados, dos ofendidos e dos desamparados.









Kali em romanês, quer dizer negra; e Sara, por ser uma cigana egípcia, possui a tez bem morena. Daí o nome. 

Os ciganos brasileiros veneram Nossa Senhora de Aparecida, talvez por causa de sua cor, e muitos a equiparam à Santa Sara Kali.

 Se não têm a imagem dela, por ser difícil encontrá-la, por certo possui em sua Thiera (barraca) ou casa uma imagem de Nossa Senhora de Aparecida. Às vezes têm as duas.

É costume, entre os ciganos, festejarem as slavas (promessas ou comemorações em homenagem a algum santo).
A Slava de Sara Kali é nos dias 24 de maio.

A Slava de Nossa Senhora de Aparecida coincide com a comemoração dos gadjés, a 12 de outubro.
Na Slava, é oferecido um banquete ao santo homenageado, onde colocamos o Santo do Dia no centro da mesa, em lugar de destaque e junto a Ele, um manrô (pão) redondo, que é furado no meio e onde colocamos um punhado de sal junto com a vela. Esse pão é posto em uma bandeja cheia de arroz cru, para chamar saúde e prosperidade e, ao término do almoço, ele é dividido entre os convidados pelos donos da casa, junto com essas palavras de bençãos:

(Que você seja abençoado com o sal, com o pão e com ouro).












A FESTA DE SANTA SARA NA FRANÇA 

No final de maio, os Ciganos aos milhares, vão se reunindo na cidade de Les Saintes Maries' de la Mer, na região de Camargue ao sul da França para cantar, dançar e pagar promessas para a sua santa padroeira .

É em parte uma reunião, parte festival e parte peregrinação. 










Enquanto as crenças espirituais ciganas são pagãs de natureza, a maioria dos ciganos foram batizados e respeitam a parte essencial da religião cristã.

Eles vem para Les Saintes Maries’de la Mer ("as santas marias do mar’) porque a lenda diz que Maria Jacob e Maria Salomé, (parentes próximas de Jesus, da Virgem Maria, e uma delas mãe dos apóstolos João e Tiago) vieram para esta cidade de barco, quando foram expulsas da Judéia no século primeiro.

Elas converteram o povo da cidade para o cristianismo, com a ajuda de Santa Sarra.

Os ciganos a adotaram como padroeira, embora ela não seja oficialmente reconhecida pela Igreja.

O centro da reunião é a igreja matriz de Les Saintes Maries’de la Mer, onde as relíquias (como os ossos dos santos ) são guardadas na igreja.







Os ossos são cerimoniosamente abaixados por polias e guindastes enquanto os fieis cantam acompanhados de violinos e sinos.

Então as relíquias são carregadas para o mar, junto com uma grande estátua de Santa Sarah, de modo que ela pode "esperar" a chegada das Marias. No dia seguinte as estátuas de Maria Jacob e Maria Salomé são colocadas junto ao oceano, pelos peregrinos, em sinal que elas chegaram as praias da França.


A bordo de um tradicional barco de pesca o bispo abençoa o mar, a terra e os Ciganos.










Diz a tradição que o bom Rei Renê mandou escavar a igreja, em 1448 eles relataram que foram encontraram dois corpos docemente perfumados. Muitos anos mais tarde esses corpos femininos foram datados como sendo do primeiro século(pode ser verdade ou apenas lenda). Outra lenda diz que as pedras onde os corpos estavam sepultados eram na verdade "pedras milagrosas" e eram usadas para curar olhos doentes e mulheres estéreis.

Não deixe de ver na cripta debaixo da igreja se você necessita de alguma cura.











LENDAS FANTASIOSAS SOBRE SANTA SARA:

Muitas lendas publicadas por não-ciganos acabaram confundindo a história de Santa Sara Kalí. Muitas versões contadas vêm atrapalhando seu processo de santificação. Para alguns ela foi uma “antiga rainha das terras de Camargue”; outros a vêem como uma “egípcia” ou “negra africana” levada de uma para outra margem do Mediterrâneo; há quem a considere uma “sacerdotisa do antigo culto oriental ao deus Mitra; outros ainda acham Sara a “personificação de uma divindade feminina dos celtas” (uma espécie de Grande Mãe ligada a terra)...

Uma das explicações para estas histórias é que em Camargue existiram várias colônias de antigas civilizações, como a egípcia, a cretense, a fenícia e a grega. Por isso, muitos poetas e menestréis contaram a história de Sara, de acordo com o que ouviram de seu povo, e assim, o mito em torno dessa poderosa santa foi difundido pelo mundo.
Alguns autores, como Dan Brown, por exemplo , baseando-se em outras obras como Holy Blood, Holy Grail, sugerem que Sara seria, na verdade, filha de Jesus Cristo e Maria Madalena, o que é pura literatura fantasiosa.











O PODER E A MAGIA DE SANTA SARA KALI ESTÃO EM CRISTO.


Muito se fala sobre a magia e o poder de Santa Sara e muitos esquecem qual é a fonte do poder dela.
Por que Santa Sara pode tanto? Por que são incontáveis os agradecimentos a essa Santa e as graças por meio dela alcançadas?

A resposta é simples: o poder de sua magia é Cristo. Não existe magia, poder, ou força alguma neste mundo maior que Cristo, pois "ao nome de Jesus se dobra todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra" Filipenses 2,10 e o cristão recebeu poder contra todo mal:  “Eis que eu vos dei o poder de pisar serpentes, escorpiões e todo o poder do Inimigo, e nada poderá vos causar dano” (Lc 10,19).

Foi esse nome Santíssimo que Santa Sara invocou no barco à deriva prometendo usar um véu por toda sua vida, foi a Cristo a quem ela se devotou e à prática de seu Evangelho.

 Santa Sara adorou e seguiu o Cordeiro imolado (Apocalipse 14,4)  ja aqui na terra e por isso, agora possui mais poder para nos ajudar com sua intercessão,  pois "a oração dos homens retos lhe é agradável" (Provérbios 15,8) e "o Senhor está longe dos maus, mas atende à oração dos justos" (Provérbios 15,29).

Santa Sara possui mais poder com sua intercessão, pois está diante do trono de Deus (Apocalipse 7,15)  como uma das almas dos justos que chegaram à perfeição (Hebreus 12,23) e não cessam de orar mesmo depois de mortos (Hebreus 11,4; Apocalipse 6,8-10), cercando-nos como uma nuvem (Hebreus 12,1) pois para o cristão a morte não tem poder (Romanos 8, 38-39; 14,8) e é apenas uma passagem para o céu (Lucas 23,42; II Coríntios 5,1.6-8; Filipenses 1,23) e todos estão vivos diante de Deus (Lucas 20,38).


Por isso, afastemos toda prática supersticiosa do culto e da invocação a esta Santa querida, poi a Bíblia afirma que
Os cristãos desde os primeiros séculos seguiram os ensinamentos bíblicos de rejeitar toda prática de magia, advinhação, como nos diz os Atos dos Apóstolos:

"E muitos dos que tinham crido vinham, confessando e publicando os seus feitos.
Também muitos dos que seguiam artes mágicas trouxeram os seus livros, e os queimaram na presença de todos e, feita a conta do seu preço, acharam que montava a cinqüenta mil peças de prata.
Assim a palavra do Senhor crescia poderosamente e prevalecia."
Atos 19,17-20

A magia é vista com uma prática egoísta, pois esconde o desejo do ser humano de manipular a natureza, o universo, querendo colocar-se no lugar de Deus e é vista como um pecado mortal:

"Além disso, as obras dos instintos egoístas são bem conhecidas: fornicação, impureza, libertinagem, idolatria, feitiçaria, ódio, discórdia, ciúme, ira, rivalidade, divisão, sectarismo, inveja, bebedeira, orgias e outras coisas semelhantes. Repito o que já disse: os que fazem tais coisas não herdarão o Reino de Deus."
Galatas 5, 19-21

Santa Sara foi cristã e como cristãos devemos imitá-la (Filipenses 3,17; Tiago 5,10).






ORAÇÕES



" Orai por nós, 
porque confiamos que temos boa consciência, 
como aqueles que em tudo querem portar-se honestamente."
Hebreus 13,17-18









ORAÇÃO A SANTA SARA

Minha doce Santa Sara Kali
Tu que és a única Santa Cigana do Mundo,
Tu que sofrestes todas as formas de humilhação e preconceito,
Tu que fostes amedrontada e jogada ao mar,
Para que morresses de sede e de fome.
Tu que sabes o que é o medo. a fome, a mágoa e a dor no coração.
Não permitas que meus inimigos zombem de mim ou me maltratem.
Que Tu sejas minha advogada perante à Deus
Que Tu me concedas sorte, saúde, paz e que abençoe a minha vida.
Que Deus o faça! Amém.






  "Graças dou ao meu Deus, 
lembrando-me sempre de ti nas minhas orações;"
Filemom 1,3-4








NOVENA PARA ENGRAVIDAR - SANTA SARA É A PROTETORA DA GRAVIDEZ

Para pedir a Sara Kali a graça de ser mãe e ser atendida, a novena é simples:

Compre um lindo lenço, bem colorido ou florido, como usam as ciganas,
e amarre-o em volta da imagem ou gravura da santa, pedindo por um bebê.

Durante nove meses – que é o período de uma gestação – faça todos os dias a oração da santa.

Segundo a lenda, a graça poderá ser concedida antes mesmo do fim da novena.

Quando o bebê nascer, o lenço passará a ficar amarrado no berço até a criança completar um ano.

Se for uma menina, costuma-se agradecer à santa colocando o nome dela no bebê.
Se for menino, nomes como Tiago e Lázaro, discípulos de Cristo que também estavam na barca com Sara Kali, são indicados.

Mas também podem ser usados como um segundo nome, como Regina Sara, Paula Sara, etc...
ou Pedro Lázaro, Sergio Tiago e por aí afora.










O MISTÉRIO DOS MANTOS

Oferecer um Manto a Santa Sara, faz parte do seu culto.

Os mantos são para agradecer uma graça alcançada e os ciganos
relacionam as cores ao benefício de cada uma delas.

Cor do Manto
O que significa a cor do Manto

Branco - * Paz de espírito. Casamento. Agradecimentos.
Azul -* Proteção. Luz espiritual. Poder intuitivo. Filhos.
Rosa - * Amor. Compaixão. Maternidade.
Saúde - * Saúde. Agradecimento por bens adquiridos. Vitalidade.
 Lilás - * Carinho. Amor correspondido.
Púrpura - * Agradecimento por prestígio e vantagens profissionais.
Dourado - * Louvores. Agradecimento por vitórias.
Prata - * Para atrair benefícios através dos anjos e santos.


MILAGROSO CANTO A SANTA SARA

Farol do meu caminho ! Facho de luz !
Paz ! Manto Protetor !
Suave conforto ! Amor! Hino de alegria!

Abertura dos meus caminhos! Harmonia !
Livra-me dos cortes! Afasta-me das perdas!

Dai-me a sorte! Faz da minha vida um hino de alegria!
E aos teus pés me coloco, minha Sara, Minha Virgem Cigana !

Toma-me como oferenda e me faz de flor profana
o mais puro lírio que orna e traz bons presságios à Tenda .

Salve, Virgem Sara ! Salve, Virgem Sara ! Salve Virgem Sara !

Reza-se o Milagroso Canto a Virgem Sarah durante 09 dias seguidos, com uma vela
prateada (ou da cor da sua intenção) acesa para cada dia, na mão direita, depois disso, coloca-se num castiçal.
Ao realizar o seu pedido, oferece-se a imagem dela, um manto da cor da intenção.

Esta oração foi ensinada por Antor, sábio cigano e distribuída no Santuário da Santa.















ALGUMAS FONTES:

http://santasara.webs.com/

https://www.facebook.com/notes/umbanda-eu-curto/a-lenda-de-santa-sara-kali-por-carmem-romani-sunacai/485420528197957